Grande Futebol
Bernardo Silva: "Se Fernando Santos estivesse para sair é que seria um problema"
Redação Bancada
2018-06-13 09:05:00
Bernardo Silva comentou a notícia da ida de Lopetegui para o Real Madrid após o Campeonato do Mundo.

Bernardo Silva, médio do Manchester City e uma das opções de Fernando Santos para o Campeonato do Mundo que irá começar amanhã na Rússia, comentou hoje a notícia da saída de Lopetegui da seleção espanhola rumo ao Real Madrid após o fim da competição, afirmando que, isso, "é problema deles". Deles, Espanha, claro.

"Isso são assuntos que não dizem respeito à seleção portuguesa. Tenho a certeza que a seleção espanhola, sendo mais do que experiente, está focada no seu objectivo. Mas o mais importante para nós é que a nossa equipa não está focada nessas pequenas coisas mas no nosso trabalho e fazer o melhor pela nossa seleção", afirmou em conferência de imprensa.

Para Bernardo Silva, um problema, para Portugal, era se fosse Fernando Santos quem estivesse para sair: "Se Fernando Santos estivesse para sair seria um problema nosso. Essa é uma questão para a Federação e seleção espanhola e eles é que têm de estar preparados. Nós estamos preocupados com a nossa seleção, para estarmos na máxima força".

O médio do Manchester City acredita, ainda assim, que toda esta situação não irá afetar o rendimento da equipa espanhola durante o Mundial: "Os jogadores da seleção espanhola são muitos experientes. Quase todos eles venceram campeonatos do mundo, campeonatos da Europa e Liga dos Campeões. Acho que este tema não vai afetar a seleção espanhola".

Bernardo Silva comentou ainda o que a questão Lopetegui poderá influenciar o rendimento de Ronaldo: "O foco do Cristiano está na Seleção e vai dar o melhor. É pouco importante esse tipo de coisas. Posso fazer aqui uma comparação. É como quando, por exemplo, jogamos contra amigos ou companheiros de equipa no campeonato. Jogam Barcelona contra Real e depois estão na seleção. Podem ter relação, mas quando estão a defender os interesses da seleção, o resto não importa. Cristiano está focado na sua seleção, no nosso selecionador, nos nossos jogadores e nos nossos adeptos".

Receita para vencer a Espanha? "Temos de ser consistentes defensivamente e estar muito concentrados".

Sê o primeiro a comentar: