Grande Futebol
Antero Henrique separou Neymar e Draxler para evitar agressões
2019-05-07 19:35:00
Diretor desportivo e técnico do PSG 'obrigados' a intervir

Ambiente tenso em Paris. Depois da derrota na final da Taça de França, onde Neymar criticou a atitude de alguns jogadores jovens, o plantel do PSG terá vivido momentos 'quentes' após a derrota no terreno do Montpellier, por 3-2. De acordo com o jornal Le Parisien, Julian Draxler e Neymar trocaram-se de razões e tiveram de ser separados por Tuchel e por Antero Henriques. 

O internacional alemão terá criticado Neymar pelas indicações que dá dentro do relvado e no balneário, o que motivou uma reação do brasileiro: "Quem és tu para falar comigo assim? Só passas a bola para trás", terá respondido. A conversa terá aquecido e, revela o jornal, obrigado à intervenção do técnico e diretor desportivo da equipa. 

Recorde-se que no final da Taça de França, que o PSG perdeu para o Rennes nas grandes penalidades, Neymar criticou publicamente os seus colegas de equipa. 

"O balanço é que é preciso ser mais homem no balneário, precisamos ser mais unidos. Todo a gente a correr. Eu vejo que tem muitos jovens que são um pouco - não digo perdidos - mas que faltam mais ouvidos que boca. Eles têm que escutar mais do que falar. Às vezes um jogador mais experiente fala e eles respondem. O próprio treinador fala e eles respondem. Isso não é uma equipa que vai longe", disse, na altura, o avançado. 

Sê o primeiro a comentar: