Portugal
Sporting está "num beco sem saída" com um "treinador vulgar"
2019-08-12 15:30:00
Ex-jogador leonino fez parte da lista de Ricciardi nas últimas eleições

José Eduardo, antigo jogador do Sporting e que fez parte da lista de José Maria Ricciardi no último ato eleitoral, mostra-se descontente com a atual situação do Sporting e não tem dúvidas em dizer que o clube de Alvalade "está num beco sem saída". "O clube foi atingido por uma catástrofe enorme a vários níveis. A partir desse momento não se conseguiu reorganizar... nem vai conseguir. O clube está completamente fraturado", analisa o ex-jogador verde e branco.

Em entrevista à 'TSF', José Eduardo considera ser "muito difícil unir esforços em torno da equipa quando toda a gente tem opinião sobre tudo".

Sobre Marcel Keizer, José Eduardo diz que se trata de um treinador "vulgar". "É um treinador de escola, que segue a cartilha. Faz substituições em função daquilo que predefine e não me parece que os grandes treinadores sejam esses. Os grandes treinadores são aqueles que analisam no momento e alteram muitas vezes as ideias preconcebidas que têm", revelou, destacando que os sportinguistas devem "considerar" o técnico "por ser educado e dedicado".

Além disso, o ex-atleta leonino fala nas "dúvidas" que pairam "quando os resultados não aparecem" e "os responsáveis entram em stress".

Depois da goleada sofrida perante o Benfica na Supertaça, por 5-0, a que se juntou um empate na Madeira frente ao Marítimo, isto depois de uma pré-época sem vitórias, deixam o leão a precisar de vencer como 'de pão para a boca'. Aliás, José Eduardo deixa claro que ou o Sporting ganha ao SC Braga ou estará "perante uma crise de grandes dimensões".

Perante tudo isto, a Frederico Varandas, José Eduardo deixa um apelo em jeito de desafio: "A área da comunicação tem de melhorar muito. Fundamentalmente tem de dizer a verdade aos sócios e confessar qual é a real situação financeira do clube".

Participa na Liga NOS Virtual
RealFevr
Liga Bancada

Criar equipa