Portugal
"Quando não estiverem satisfeitos, os jogadores podem ir ao meu gabinete"
2019-07-21 19:20:00
Sá Pinto pretende "uma relação aberta e franca" com o plantel do SC Braga

Sá Pinto admitiu que, no decorrer da época, poderá tomar decisões que deixarão alguns elementos do plantel do SC Braga insatisfeitos. A solução, acrescentou, é fácil: basta dizerem ao treinador como se sentem. 

Em entrevista a O Jogo, o técnico dos guerreiros do Minho prometeu criar "uma relação aberta e franca" com os jogadores.

"Já sei que, por vezes, eles não vão concordar com as minhas opções, o que é perfeitamente normal. Nessas alturas, quero que eles me digam nos treinos, através do trabalho, 'estou aqui, quero mais oportunidades'", afirmou.

"Para além disso, quando não estiverem satisfeitos, os jogadores podem ligar-me ou irem ao meu gabinete para falarmos", reforçou.

Sá Pinto recusa "divagar ou utilizar terceiros para passar uma mensagem", pelo que será sempre "frontal" com o grupo de trabalho.

"Em termos de liderança, não sou um 'laissez faire', sou um democrata, mas dentro daquilo que acho que é normal", argumentou.

O treinador realçou que o SC Braga ainda não estará como quer "daqui a três semanas", altura do primeiro jogo oficial da época 2019/20, mas saberá reagir à altura com o desenrolar da temporada.

"Sou uma pessoa com ideias muito próprias, sei o que quero para o jogo do SC Braga e acredito muito nessas ideias. Os jogadores também estão a acreditar nessas ideias e agora temos é de ir melhorando. Há coisas que já são visíveis, mas com o tempo vão ser ainda mais notórias", concluiu Sá Pinto.

Participa na Liga NOS Virtual
RealFevr
Liga Bancada

Criar equipa