Portugal
Frederico Varandas, o médico dirigente, em destaque no New York Times
2020-05-23 15:00:00
Autor do artigo é o mesmo que comparou Benfica a um "Estado soberano"

O presidente do Sporting, Frederico Varandas, foi destacado pelo conhecido jornal New York Times (NYT) devido à participação, como médico, no combate à pandemia de covid-19.

O artigo é da autoria de Tariq Panja, o mesmo jornalista que, também no NYT, descreveu o Benfica como um "Estado soberano", numa peça que foi bastante comentada em Portugal.

Neste artigo sobre Frederico Varandas, o jornal norte-americano, um dos mais vendidos do mundo, relata o período em que o dirigente, médico de formação, voltou ao Hospital das Forças Armadas em Lisboa.

"O paciente com coronavírus tinha uma questão: Não preside a uma equipa de futebol?", refere o título.

O artigo cita o próprio Frederico Varandas a falar do reconhecimento por parte dos pacientes, apesar de, como médico, estar 'disfarçado' com o equipamento de proteção.

"Só de olharem para os olhos, diziam-me: 'Você não é o presidente do Sporting? Podemos tirar uma selfie?", contou o dirigente leonino ao NYT.

"O desporto tinha parado em Portugal e pensei que seria mais importante para o país estar a trabalhar como médico. Continuei a controlar as coisas [no Sporting], porque o futebol parou, mas o clube não. Não foi nada fácil equilibrar o trabalho no hospital com o futebol durante esse período", afirmou ainda Frederico Varandas.