Grande Futebol
"Herrera está no processo de transição para algo melhor"
2019-06-20 15:00:00
Presidente da Federação do México falou sobre os mexicanos do FC Porto

Yon de Luisa, presidente da Federação Mexicana de Futebol, concedeu uma entrevista à ESPN na qual falou sobre Jesús Corona e Hector Herrera, mexicanos do FC Porto que não foram chamados por Tata Martino para a Gold Cup. 

Em relação a Corona, que se viu envolvido numa polémica por ter falhado compromissos internacionais, justificados pelo FC Porto com uma lesão no tornozelo, Yon de Luisa mostrou-se ao lado do selecionador na decisão de não voltar a convocar o jogador. 

"Totalmente. Eu estive a par das comunicações do Tata e de como reagiu tarde e mal o FC Porto com os relatórios médicos. Primeiro não enviaram e depois mandaram demasiado tarde. (...) Nós cumprimos com o dever desportivo de tentar perceber como estava o jogador e houve uma parte de senso comum na conversa que o selecionador teve com o jogador, que lhe perguntou: 'Como entendo eu e explico aos adeptos que jogas 90 minutos antes, jogas 90 minutos, mas na data da seleção estás lesionado?", afirmou. 

Já sobre Hector Herrera, que termina contrato com os 'dragões' nas próximas semanas, o responsável adiantou que o mexicano está num "processo de transição". 

"A vida de futebolista tem momentos complicados e há que entender. Não são necessariamente maus, porque Herrera está no processo de transição para algo melhor", conclui, dizendo que o médio voltará às contas do selecionador quando o assunto estiver terminado. 

Participa na Liga NOS Virtual
RealFevr
Liga Bancada

Criar equipa