Revista de Imprensa
Sousa Cintra a preparar uma "bomba"... tal como Ronaldo
Mauro
2018-06-30 09:30:00
Do FC Porto fala-se pouco, neste sábado.

Ainda falta mais de um mês para o aniversário dos bombardeamentos de Hiroshima e Nagasaki, na Segunda Guerra Mundial, mas, neste sábado, já se fala de bombas. Bombas em Portugal, ali na zona de Alcochete - ou Alvalade, se preferir - e bombas na Rússia, lá pelo sudoeste do país, em Sochi. 

Começamos pela Rússia, onde Portugal joga, hoje, frente ao Uruguai, os oitavos-de-final do Mundial. "Fé em Deus", titula "Record", "o dobro ou nada", escreve "O Jogo" e "Hora de voltar a ser gigantes", destaca "A Bola". Por falar em hora, o jogo é às 19h e terá relato, comentários e análise do Luís Santos Castelo, no Bancada. Fernando Santos falou de um Uruguai sem defeitos, na antevisão do jogo, enquanto Adrien Silva rejeitou um jogo agressivo. Já agora, convém dizer que as casas de apostas dão favoritismo ao Uruguai. Todos os jornais destacam Ronaldo, evocando a importância do capitão. Esperam-se bombas, caro Ronaldo.

Mas vamos à bola. Na "Opinião Bancada", o Luís Catarino, comentador da Sporttv e colunista Bancada, anteviu este Uruguai-Portugal, enquanto o Luís Santos Castelo disse "Já chega, Engenheiro". Ainda em matéria de Mundial, o António Tadeia falou da polémica do fair-play no Japão-Polónia, no habitual diário de um jornalista no Mundial. A talhe de foice, veja como Ronaldo bateu Pepe e Quaresma, adoce o seu apetite para o Uruguai-Portugal, com onze golos míticos da seleção, e conheça o craque Vecino, do Uruguai.

Mas há mais: descobrimos Damian Tixier. Lembra-se dele? Aquele rapaz da Académica e da União de Leiria que, um dia, se pegou com Quaresma.

No Sporting, as bombas são de uma índole diferente. Segundo o jornal "Record", Sousa Cintra tem duas hipóteses para treinar o Sporting: Scolari e Jesus. Numa nota opinativa, dizemos que, por um lado, apostar em Jesus - que foi recebido em apoteose - seria coisa para juntar unir sportinguistas. Scolari, por sua vez, seria homem para valer a Sousa Cintra um cartão vermelho dos adeptos.

Outra bomba seria Gelson ir para o Benfica ou Matheus Pereira para o FC Porto. O empresário do internacional português já negou essa possibilidade, enquanto o próprio Matheus jurou fidelidade ao Sporting. Para os próximos dias, lá se foram dois focos de rumores para a imprensa desportiva.

Por falar em Benfica, dê um olhinho no que os encarnados gastaram para contratar os avançados Ferreyra e Castillo. O primeiro, recém-chegado do Shakhtar, já deixou um aviso: há que ir à Champions. 

Do FC Porto fala-se pouco, neste sábado, mas Álvaro Pereira (lembra-se dele?), há poucas horas, falou da possibilidade de regressar aos dragões.

Por cá, há comprinhas

Por cá, já pode ir às compras. Pelo menos se for sportinguista ou braguista. Os leões mostraram o novo equipamento, com o símbolo à antiga, enquanto os minhotos vão vestir amarelo torrado, quando não puderem usar o fato tradicional. Se quiser ver futebol, também terá de ir às compras, mas para adquirir mais um canal desportivo: é que os jogos da Liga dos Campeões, Liga Espanhola e Liga Francesa vão passar num novo canal.

Em matéria de compras, há que destacar ainda uns quantos negócios. O Vitória de Guimarães, que vendeu Konan, apostou no consistente Florent para a lateral-esquerda. Bom reforço, sobretudo sendo para o lugar de um sempre perdido em campo Konan. O Boavista foi buscar o mítico Bracali, para a baliza - será mais do que guardião "de engate"? -, enquanto o GD Chaves pescou Avto em Viseu.

Lá fora, há umas quantas novidades. Já conhece a Liga dos Campeões dos pequenitos? O Drita, do Kosovo, foi o vencedor e vai participar na Champions dos grandes. Grande foi também a movimentação do Newcastle, que contratou o excelente Ki, ao Swansea. 

Pausa para brincadeira: Batshuayi fez as honras da casa e gozou consigo próprio. Boa estratégia, rapaz. A terminar, o Gomes Ferreira apresentou-lhe Monchi, o Rei Midas do futebol Mundial.