Prolongamento
"Veio Pinto da Costa e começaram as guerras Norte e Sul"
2022-05-06 12:55:00
Antigo vice-presidente do Benfica lembra convívios na era do presidente portista Américo de Sá

Rui Costa tem pautado a sua presidência por uma conduta de cordialidade com os rivais fora de campo e José Manuel Capristano, antigo vice-presidente das águias, valoriza esta forma de estar no desporto por parte do presidente do Benfica. Neste sentido, lembra o ex-dirigente das águias, houve tempos em que antes de jogos entre Benfica e FC Porto, por exemplo, se realizavam convívios entre dirigentes encarnados e portistas.

"Não esquecer que quem inaugurou o Estádio das Antas foi o Benfica. E quem inaugurou o Estádio da Luz [antigo] foi o FC Porto. Lembrem-se disso?", questionou José Manuel Capristano, elogiando os tempos de Américo de Sá como presidente do FC Porto em que as coisas eram diferentes do que se verifica com Pinto da Costa.

"Quando eu era diretor do Benfica, o presidente do FC Porto era o Américo de Sá e quando o FC Porto vinha jogar a Lisboa e nós íamos jogar ao Porto, antes do jogo, havia um jogo de futsal entre dirigentes de um lado e de outro que culminava com um almoço. Lá e cá. Havia uma relação amistosa", lembra José Manuel Capristano, lamentando que tudo isso se tenha perdido desde que Pinto da Costa assumiu os destinos do FC Porto.

"Depois veio o senhor Pinto da Costa e começaram as guerras Norte e Sul, vamos incendiar Lisboa, vamos fazer isto, vamos fazer aquilo. Foi o que deu", criticou José Manuel Capristano.

Em declarações no canal de televisão A Bola TV, o antigo vice-presidente do Benfica aproveitou para destacar que, pelo que se vê, esta estratégia tem dado frutos para os azuis e brancos.

"Estratégia que em relação ao FC Porto vê-se que está a dar resultados mas que enfim...", lamentou José Manuel Capristano, antigo vice-presidente do clube da Luz.

Nos últimos anos, a rivalidade entre FC Porto e Benfica fez-se sentir ainda mais, com Luís Filipe Vieira a cortar relações oficiais com o FC Porto. 

De resto, o ex-presidente do Benfica chegou a assistir a jogos das águias no balneário do Estádio do Dragão, não se cruzando com Pinto da Costa na tribuna ou em camarotes.

Apesar disso, Luís Filipe Vieira, enquanto presidente do Benfica, autorizou Pinto da Costa a gravar no Estádio da Luz uma série documental que passou há cerca de um ano nas emissões do Porto Canal, num tema que provocou muita polémica entre adeptos e associados do clube da capital portuguesa.