Prolongamento
"Tem-se criado a ideia de que o FC Porto beneficiou de erros de arbitragem"
2022-05-11 12:55:00
"O FC Porto foi o clube prejudicado. A ideia que se quer criar é errada", esclarece diretor de Comunicação dos portistas

O FC Porto não admite que se crie a ideia de que conquistou o título com o apoio do trabalho de árbitros e videoárbitros. Nesse sentido, o diretor de Comunicação e Informação dos azuis e brancos, Francisco J. Marques, diz que foi feito um levantamento sobre a opinião de especialistas em arbitragem e a conclusão determina até que se há alguém com motivos de queixa das arbitragens é a equipa nortenha.

"Tudo serve para colocar em causa o mérito da equipa. Tem-se procurado criar a ideia de que o FC Porto beneficiou de erros de arbitragem", lamentou Francisco J. Marques, dizendo que a opinião de antigos árbitros contraria esta ideia que vem sendo passada pelos rivais dos azuis e brancos.

"Fomos consultar as análises dos especialistas, ex-árbitros que nos jornais avaliam os jogos dos três grandes, e, considerando os lances em que houve maioria, FC Porto teve cinco benefícios, o Sporting seis e o Benfica sete. Já prejuízos, o FC Porto teve 13, o Sporting nove e o Benfica três", contou Francisco J. Marques, certo de que o título fica no Estádio do Dragão de forma meritória.

Deste modo, salienta Francisco J. Marques, o "FC Porto teve prejuízo em oito, o Sporting em três e o Benfica um benefício em quatro". Assim sendo, "a ideia que se quer criar é errada".

"O FC Porto foi é o clube prejudicado", sentenciou o responsável pela Comunicação do clube azul e branco. "Não somos nós que dizemos, são os analistas", destacou Francisco J. Marques no regresso ao Porto Canal após cumprir castigo, onde também falou sobre a atribuição de lugares na tribuna do Estádio da Luz ao FC Porto no recente clássico.

"O FC Porto comporta-se nestas situações como deve ser", afirmou Francisco J. Marques, lembrando que quando o Benfica jogou no Estádio do Dragão, em dezembro, para a Taça de Portugal e para o campeonato, o líder das águias ficou na primeira fila.

"O Rui Costa foi colocado na primeira fila do camarote presidencial, não ao lado do presidente do FC Porto mas na primeira fila. E foi cumprimentado em ambos os jogos", assegurou Francisco J. Marques, dizendo que na Luz não se verificou idêntico tratamento a Pinto da Costa.

"Na Luz, o presidente [Pinto da Costa] foi colocado na sétima fila, já o presidente do Benfica, como disse o nosso presidente, nem sequer se sabe se lá esteve", revelou o diretor de Comunicação dos azuis e brancos.

O FC Porto derrotou o Benfica no passado sábado, no Estádio da Luz, e conquistou o 30.º título de campeão nacional da sua história, fazendo a festa em casa do rival. Porém, no próximo sábado, no Estádio do Dragão, a equipa irá receber o troféu referente à conquista.