Prolongamento
"Sporting mexe bem nos bastidores. Empurram, chamam palavrões e passam impunes"
2022-02-07 11:00:00
"Jogadores do Sporting estão a ir contra árbitros como se fosse o pão nosso de cada dia", diz Rodolfo

"Onde vai um vão todos". Este tem sido o lema oficial do Sporting nos últimos tempos mas no Estádio do Dragão há quem acredite que os jogadores do Sporting estão a levar demasiado à letra a expressão e entendem que os atletas leoninos estão com uma atitude e comportamento em que campo que deveria merecer maior atenção por parte dos árbitros.

Rodolfo Reis, antigo capitão do FC Porto, teme que se os jogadores leoninos forem para o Estádio do Dragão ter atitudes que têm tido contra outros adversários as coisas possa correr mal e descambar numa "batalha campal". Por isso, apela ao Conselho de Arbitragem que tome medidas para travar aquilo que vê nos "reis da selva".

"Em qualquer lance onde vai um vão todos os jogadores do Sporting", criticou Rodolfo Reis, adiantando que se nota que os atletas campeões nacionais "chamam palavrões, empurram e estão a passar completamente impunes".

Deste modo, o antigo capitão dos azuis e brancos admite que os leões estão a "mexer bem nos bastidores" ou, por outro lado, "os árbitros entendem já que o Benfica é uma carta fora do baralho".

"Não estou a entender", relata Rodolfo Reis, esperando que na sexta-feira, no clássico do Estádio do Dragão, que pode decidir as contas do título, seja nomeado um árbitro que trave o comportamento dos jogadores do Sporting.

É que, no entendimento de Rodolfo Reis, os jogadores do FC Porto não se vão ficar perante as atitudes dos jogadores leoninos e teme que possa existir uma "batalha campal".

"Se não houve um árbitro com classe e categoria a distinguir estas jogadas, se calhar, é uma batalha campal", avisa o ex-capitão dos azuis e brancos que, em em declarações na CMTV, acusou os jogadores do Sporting se de acharem "senhores e reis da selva". 

"Aqui não há selvas", adiantou Rodolfo Reis, esperando que o Conselho de Arbitragem da Federação Portuguesa de Futebol e os árbitros possa ver "com honestidade o comportamento dos jogadores do Sporting" quando se dirigem "a eles [árbitros] e aos adversários".

"Os jogadores do Sporting estão a ir contra os árbitros como se fosse o pão nosso de cada dia", acrescentou Rodolfo Reis, dizendo que isto é "uma realidade".

Por outro lado, além disso, o antigo jogador dos azuis e brancos considerou que não existe comparação entre aquilo que vê fazer os jogadores do Sporting e de outras equipas. 

"Não tem comparação", salientou Rodolfo Reis, garantindo ainda que não está a dizer estas coisas por estar aí um clássico para breve. "Não é por ir jogar contra o FC Porto que estou a dizer isto", assegurou Rodolfo Reis.