Prolongamento
"Não vejo ninguém com características de Palhinha. Talvez um pouco de Kimmich"
2021-12-13 10:55:00
"Tempo em que Sporting vendia jogadores ao preço da uva já chegou", diz Carlos Xavier

O Sporting tem estado em alta e a confiança dos adeptos leoninos também, acompanhando o momento da formação orientada por Rúben Amorim. Para trás ficou a descrença e desconfiança numa equipa que, ao ser campeã nacional na última temporada, e, nesta época, ao estar já nos oitavos de final da Liga dos Campeões, permite que os elogios sejam muitos e variados para com um grupo de trabalho que vai colhendo frutos do futebol praticado dentro das quatro linhas e dos resultados obtidos.

Se a Rúben Amorim são encontradas semelhanças com a forma de trabalhar de Jürgen Klopp, treinador alemão do Liverpool, em Alvalade alinha um jogador com traços de Joshua Kimmich. Para Carlos Xavier, antigo capitão dos leões, quem vê João Palhinha - que recentemente renovou - em campo pode perceber a importância que este tem, tal como o germânico na Baviera.

"Neste momento, o Palhinha é dos jogadores que, em termos de posição e rendimento na Europa, não vejo ninguém com as suas características. Talvez ali um pouco de Kimmich. Não é bem um seis mas um oito. Mas tem um papel fundamental na equipa e o Palhinha neste momento é esse jogador", detalha Carlos Xavier.

Para o ex-capitão do Sporting, o plantel leonino tem vários talentos que podem, em caso de uma eventual transferência, render muito euros para os cofres da SAD verde e branca. 

"O Sporting, neste momento, tem jogadores que podem valer muito. Se há jogadores que são vendidos por 80, 100 e 120 milhões e não chegam a metade do que fazem os nossos, os nossos têm que ser muito valorizados e valer muito dinheiro", acredita Carlos Xavier, precisando que o tempo de 'saldos' em Alvalade já lá vai.

"O tempo em que o Sporting vendia muitos e bons jogadores ao preço da uva [acabou]. Já chegou esse tempo", comentou o antigo capitão do emblema lisboeta.

Em declarações na Sporting TV, Carlos Xavier deu ainda o exemplo de Matheus Nunes, que lhe tem agradado e de que maneira com as exibições que vai tendo. "Matheus Nunes também vai valer muito dinheiro", vaticina Carlos Xavier, certo de que a administração liderada por Frederico Varandas está a realizar uma gestão "boa" ao "segurar" os jogadores.

"O Sporting está a trabalhar muito bem nesse aspeto", afiança Carlos Xavier, satisfeito com o rendimento revelado pela formação orientada por Rúben Amorim.

O emblema verde e branco está em todas as frentes, sendo que, com Rúben Amorim, voltou a ser campeão nacional e voltou a ultrapassar a fase de grupos da Liga dos Campeões.