Prolongamento
"Estamos a dizer que o Rui Costa sabia dos esquemas? Não, não, não"
2022-01-06 18:30:00
"Estamos a dar a entender que o Rui Costa assinou as letras sabendo que o dinheiro vinha para o Vieira", lamenta Futre

Paulo Futre sai em defesa de Rui Costa e avisa que não devem colocar o nome do 'Maestro' sob um manto de dúvidas relativamente a transferências e comissões já pagas pelo Benfica. O antigo internacional português diz que Rui Costa assinou documentos como administrador encarnado mas pautou sempre a sua conduta pelos interesses do clube lisboeta. "Que culpa tem o Rui Costa? Estamos quase a dizer que ele sabe dos esquemas", lamentou Paulo Futre.

O antigo jogador de futebol confirmou que Rui Costa assinou letras bancárias a respeito da transferência do jogador Francisco Vera, numa operação que está na mira das autoridades judiciais no âmbito do processo Cartão Vermelho, mas fê-lo de forma a que o negócio fosse decorrer com normalidade no contexto do mercado internacional de futebolistas.

"Ele assina umas letras para pagar a um clube paraguaio e que culpa tem o Rui Costa que tenham um acordo com o [Bruno] Macedo [empresário de futebol]?", questionou Paulo Futre, não entendendo o porquê do nome de Rui Costa ser associado a alegados esquemas.

"Estamos a meter o Rui Costa? Estamos a dizer que o Rui Costa sabia dos esquemas? Não, não, não", assegurou Paulo Futre, apontando para a confiança que tem no "amigo Ruizinho" que preside atualmente aos destinos do Benfica.

Nesse sentido, o antigo internacional português sustenta não saber se existiam ou não esquemas mas está certo de que, se, alegadamente, estes existiam, Rui Costa não era sabedor. "Eu não sei se há esquemas. Fazem bem em investigar", referiu Paulo Futre, em declarações na CMTV, onde se gerou alguma polémica no painel com a jornalista Tânia Laranjo, uma vez que Paulo Futre lamentava que se estivesse a lançar suspeitas sobre Rui Costa.

A jornalista garantia que não era isso que tinha dito mas Paulo Futre prosseguiu a sua opinião, lamentando que se tente passar essa ideia para a opinião pública. "Estamos a dar a entender que o Rui Costa assinou as letras sabendo que o dinheiro vinha para o Luís Filipe Vieira. É o que eu entendo", comentou.

Por outro lado, Paulo Futre disse ainda que anda há muitos anos no mundo do futebol e vê "'os números'" que se vão passando no desporto que move paixões por esse mundo fora.

Assim, Paulo Futre assegurou ainda que não vê com bons olhos que o nome de Rui Costa seja colocado neste tipo de situação. "Não podem tocar assim no Rui Costa. O Rui Costa não sabia de nada", insistiu na garantia o antigo internacional português.

A respeito deste tema, o Benfica deu conta de que está disponível para prestar todo e qualquer esclarecimento junto das autoridades de justiça para que as dúvidas não fiquem a pairar. "O Benfica jamais recusou explicar ou clarificar o que quer que seja, tendo sempre colaborado com as autoridades no apuramento de todas as questões que se justifiquem. E assim continuará a ser", garantiu a SAD liderada por Rui Costa.

Na reação a esta notícia, o clube encarnado fez saber também a transferência do jogador Francisco Vera, o atleta em questão, seguiu os trâmites "normais de uma SAD", com o o Benfica a explicar que o contrato de transferência foi cumprido com o "pagamento das respetivas letras bancárias assinadas por dois administradores da SAD", sendo que um deles foi Rui Costa, à data administrador da sociedade que gere o futebol profissional das águias.