Prolongamento
"Era justo o FC Porto pagar uma rodada a quem fez estas leis e aos árbitros"
2022-04-13 11:35:00
"Não serei eu a dizer que há conspiração para tornar o FC Porto campeão", salienta ex-dirigente do Sporting

O FC Porto é a equipa em melhor posição nesta altura para conquistar o título de campeão. Em Alvalade, há quem acredite que a encomenda das faixas de campeão nacional já pode ser realizada pelos portistas dadas as circunstâncias pontuais do momento, a poucas jornadas do final do campeonato 2021/22.

Para Henrique Monteiro, antigo dirigente do clube de Alvalade, não se pode propriamente falar em "conspiração" para fazer do FC Porto um clube campeão nesta época, embora reconheça que vários "amigos" benfiquistas e sportinguistas acreditam nessa lógica. Em todo o caso, Henrique Monteiro diz que não vai por aí.

"Não serei eu a dizer que há uma conspiração a nível da arbitragem para tornar o FC Porto campeão, embora vários amigos meus do Benfica e do Sporting entendam que esses tempos estão a voltar", salientou o antigo dirigente do clube de Alvalade, referindo, porém, que algumas decisões dos árbitros o incomodam.

"No geral, combato esse tipo de teorias de conspiração e sou mais dado a acreditar que os árbitros de campo e os VAR não têm regulamentos e indicações precisas sobre o que devem fazer. Ou seja, em meu entender, se quisermos um jogo o mais impossível isento de erros, deveríamos dar mais poder ao VAR", desejou Henrique Monteiro.

Em artigo de opinião que assina nas páginas do jornal A Bola, o antigo dirigente do Sporting confessou, todavia, que, em seu entender, "o FC Porto pode, praticamente, encomendar as faixas de campeão".

Ainda assim, deixa um conselho para a administração liderada por Jorge Nuno Pinto da Costa. "Mas era justo pagar uma rodada a quem fez estas leis e aos árbitros que as interpretam".

E Henrique Monteiro explica depois este conselho deixado ao clube da cidade Invicta. "Não por eles terem deliberadamente beneficiado o FC Porto; mas por, objetivamente, o FC Porto ter sido beneficiado".

A formação orientada por Rúben Amorim, que na última época alcançou o título de campeã nacional, tem seis pontos de desvantagem para os azuis e brancos nesta altura.

FC Porto e Sporting já se defrontaram por duas ocasiões nesta temporada no que toca ao campeonato, pelo que não terão mais confronto direto pela frente até ao fim do campeonato, no que à I Liga diz respeito.

Em todo o caso, quer dragões quer leões ainda têm alguns encontros que se podem revelar decisivos na atribuição do título de campeão nacional na época em curso de 2021/22.