Prolongamento
“Devia ser injetado sangue novo na administração e no FC Porto”, diz Madureira
2020-04-13 17:10:00
O líder dos Super Dragões aborda as eleições no clube portista

O líder da claque ‘Super Dragões’, Fernando Madureira, concedeu uma entrevista à pagina de Facebook ‘Super Portistas’ e falou sobre as eleições à presidência do FC Porto.

Para Fernando Madureira, o emblema azul e branco está bem entregue a Jorge Nuno Pinto da Costa e não acredita que alguém o possa substituir de forma satisfatória.

“O clube está muito bem entregue. Enquanto Pinto da Costa for vivo, deverá ser ele o nosso timoneiro, o nosso grande líder, o presidente. Por tudo o que já fez e continua a fazer. Não vejo ninguém que o possa substituir”, afirmou Fernando Madureira.

No entanto, o líder da claque do FC Porto considera que deve entrar novas pessoas e ideias na direção do FC Porto.

“Acho que devia ser injetado sangue novo na administração e no clube, mas cabe ao presidente decidir. O que ele fizer, para mim, está bem feito”, comentou.

Após a confirmação do adiamento das eleições por causa da pandemia da Covid-19, o ato eleitoral conta com dois candidatos confirmados, Pinto da Costa e José Fernando Rio, com Nuno Lobo a ultimar os pormenores da candidatura.

De acordo com Fernando Madureira, haverá uma “guerra” no momento em que Pinto da Costa sair dos destinos do clube, mas deixa um conselho aos atuais e futuros candidatos.

“Quando o presidente não estiver entre nós vai haver uma guerra e muitos candidatos, mas eu acho que isso vai durar muitos anos. Há muita gente preocupada com isso, mas vão ter que esperar muitos anos”, indicou.

A assembleia geral eleitoral para os órgãos sociais do FC Porto para o quadriénio 2020/2024 ainda não tem data marcada, face à incerteza sobre o regresso à normalidade em Portugal.