Prolongamento
Aos juízes portugueses "bastam as bancadas de estádios de futebol"
2020-09-01 16:50:00
Ana Gomes atenta às relações entre o poder judicial e o desporto

Um escândalo na justiça irlandesa levou Ana Gomes a retomar as críticas às ligações próximas entre o poder judicial e o futebol em Portugal.

Tendo denunciado vários casos de alegada corrupção, crimes fiscais ou branqueamento de capitais, a antiga eurodeputada já visou diretamente Sporting e FC Porto, mas presta particular atenção ao presidente do Benfica, Luís Filipe Vieira.

Desta feita, a jurista retomou o ataque aos juízes, meses depois de criticar o Conselho Superior de Magistratura por indicar "só fãs do Benfica para julgamentos como o E-toupeira e o de Rui Pinto".

Com um breve comentário no Twitter, Ana Gomes sustentou que os juízes portugueses são menos "finos" do que os irlandeses, depois de Séamus Woulfe ter aberto polémica, na Irlanda, ao marcar presença num evento de... golfe.

Os magistrados irlandeses são "mais chiques do que os nossos", considerou a ativista contra a corrupção, porque aos juízes portugueses bastam "bancadas de estádios de futebol".

Recorde-se que, a propósito da detenção e prisão preventiva de Rui Pinto (entretanto libertado), Ana Gomes foi insistindo nos "sinais de captura da justiça portuguesa".