Portugal
Tondela impõe décima derrota seguida ao Nacional e sobe a nono da I Liga
Redação
2021-04-22 17:05:00
Nacionalista Nuno Borges viu o vermelho direto quatro minutos depois de ter entrado

Jhon Murillo e Ricardo Alves deram a volta ao resultado em Tondela, após o golo de Camacho pelo Nacional, em jogo da 28.ª jornada da I Liga de futebol, que devolveu as vitórias em casa à equipa ‘beirã’.

Camacho inaugurou o marcador para o Nacional, aos 14 minutos, mas, apenas quatro minutos depois, Jhon Murillo igualou o desafio, tendo o Tondela completado a reviravolta na segunda parte, aos 60 minutos, num cabeceamento do defesa Ricardo Alves.

O Nacional entrou melhor e pressionou a equipa da casa, tendo, após uma primeira ameaça e uma defesa de Pedro Trigueira, se adiantado no marcador por Camacho, numa atura em que o Tondela ainda não tinha chegado à baliza adversária.

O Tondela reagiu e fez o primeiro remate à baliza do Nacional aos 17 minutos, mas sem perigo, no que constituiu um sinal para o golo do empate, alcançado um minuto depois por Jhon Murillo.

Até a intervalo, as duas equipas equivaleram-se e tiveram uma oportunidade cada, mas sem que o resultado sofresse alteração.

Na segunda parte, o equilíbrio registado no final da primeira metade manteve-se, mas, aos 60 minutos, o Tondela passou para a frente do marcador, com um cabeceamento de Ricardo Alves.

As oportunidades continuaram a repartir-se, no entanto, o Nacional sofreu um forte revés aos 85, quando Nuno Borges, apenas há cinco minutos em campo, foi expulso com vermelho direto, por uma entrada violenta sobre Pedro Augusto.

Já no tempo de compensação (90+3), Rafael Barbosa permitiu ao guarda-redes António Filipe a defesa a um penálti, que foi mandado repetir pelo árbitro Manuel Oliveira, mas que o mesmo Rafael Barbosa voltou a permitir a defesa ao guardião 'alvinegro'.

Com esta vitória, o Tondela sobe ao nono lugar, com 34 pontos, enquanto o Nacional mantém a última posição, com 21 pontos, já a seis do 16.º lugar do Marítimo, formação situada no posto que dá acesso ao 'play-off' com o terceiro classificado da II Liga.