Portugal
“Tomámos más decisões”, assume Rúben Amorim
Redação
2021-04-05 23:15:00
Treinador do Sporting garante que pausa do campeonato não teve influência no empate com o Moreirense

O Sporting, líder isolado do campeonato, voltou a ceder pontos e a permitir a aproximação de FC Porto, Benfica e Sporting, ao empatar em casa do Moreirense. De acordo com o treinador, Rúben Amorim, os leões perderam dois pontos por culpa própria. “Tomámos más decisões e perdemos dois pontos”, afirmou, na entrevista rápida à SportTV.

A igualdade ocorreu no primeiro compromisso do Sporting depois da pausa do campeonato, que parou duas semanas devido aos jogos das seleções. Um fator que “não” teve qualquer influência, segundo Amorim. “Os jogos são todos difíceis. Fomos superiores hoje, não foi pelo facto de não termos trabalhado com os internacionais, faz parte de um clube grande. Tivemos oportunidades, não as fizemos, depois um mau alívio e um remate sem hipóteses, acontece”, explicou.

Com várias vitórias arrancadas nos instantes finais das partidas, o Sporting viu agora o Moreirense impedir o líder de somar três pontos. “Já nos aconteceu o contrário, desta vez foi o Moreirense a marcar no fim", lembrou o técnico: "Acho que dominámos toda a partida, eles não tiveram grandes oportunidades. Nós fizemos golo, mais dois que foram anulados por centímetros, mas o futebol é mesmo isto. O campeonato ainda é longo, perdemos dois pontos e temos de pensar no próximo jogo”.

Rúben Amorim lamentou ainda que a falta sobre Nuno Mendes, da qual o internacional português saiu lesionado, não tenha sido devidamente sancionada. “Faltou profundidade com ele, mas o Matheus Reis devolveu-a no fim. Não têm as mesmas características, o Nuno está mais rotinado, não esteve tanto tempo parado como o Matheus. A única coisa que me chateou foi porque o miúdo saiu e nem amarelo houve, mas faz parte. Não há que fazer caso disso”, concluiu.