Portugal
Carlos Brito crê que "toda a gente" quer que "campeonato tenha o seu término"
Mauro
2020-04-03 15:10:00
Técnico elogia o "bom senso" das entidades em Portugal

Carlos Brito, um dos treinadores mais experientes em Portugal, elogia o plano traçado pela Liga de Clubes, que prevê o regresso das competições profissionais para o dia 30 de maio.

Em declarações ao programa ‘Bola Branca’ da Rádio Renascença, o ex-técnico do Rio Ave defende que houve “bom senso” por parte dos intervenientes, considerando que, caso haja possibilidade, o campeonato deve ser disputado até ao fim.

“Parece-me que apontar para final de maio é de bom senso. Estamos a falar para daqui de dois meses, contando numa perspetiva que esta pandemia, nessa altura já dê para se conseguir iniciar os treinos. Daquilo que é a minha experiência, toda a gente deve estar interessada em que o campeonato tenha o seu término.”, afirmou Carlos Brito.

O técnico garante que os jogadores e clubes estão “recetivos” para voltar aos relvados, deixando uma análise ao futuro da I e II Liga.

“Não tenho dúvida nenhuma que os jogadores e clubes estarão recetivos, até porque estamos a falar de uma circunstância inédita no futebol”, comentou.

“Estamos a falar, reiniciando do campeonato, ter duas jornadas a meio da semana. Eventualmente pode-se colocar uma ou outra semana, embora possa estar dependente o fator de lesões em cima da mesa, mas parece que está tudo numa perspetiva a que se volte aos treinos e aos jogos”, acrescentou.

Numa altura difícil no panorama desportivo, face ao surto de Covid-19 em Portugal, Carlos Brito deixa uma mensagem de esperança.

“Temos de ter essa paciência e esperança que isto termine o melhor possível. Em cada cidadão, há a responsabilidade de manter os cuidados que a Direção-Geral da Saúde recomenda para todos nós”, rematou.

Para além do Rio Ave, Carlos Brito treinou o Estrela da Amadora, Boavista, Leixões, Nacional, Penafiel e Freamunde.