Portugal
"Que ingenuidade. Por que não foram à Casa do Benfica?"
2022-09-29 09:55:00
"Não tenham medo de estar comigo", pede Pinto da Costa

O presidente do FC Porto assegura que não está em fim de ciclo na liderança dos azuis e bancos e promete continuar a lutar pelos dragões enquanto ocupar a cadeira do poder no emblema portuense. De resto e a propósito da sua continuidade na liderança portista, Pinto da Costa diz que tem assistido a algumas coisas que lhe provocam diversão.

"Há dias diverti-me muito, porque um jornal, para provar que os sócios do FC Porto já não me queriam presidente, foi fazer uma sondagem ao Alentejo. Mas que ingenuidade. Mas por que não foram à Casa do Benfica de Paredes, de Setúbal, Olhão? Com certeza que cem por cento achavam que estava a mais no FC Porto", comentou Pinto da Costa.

Por conseguinte, o presidente do FC Porto diz não compreender a que se referem aqueles que apontam para um possível fim de ciclo da sua presidência.

"Quantos de vós não ouviram já várias vezes de que estamos num fim de ciclo? Mas fim de ciclo de quê? De ganhar?", questionou Pinto da Costa, lembrando que repousam no museu do Estádio do Dragão os três últimos troféus disputados em Portugal: campeonato, Taça de Portugal e Supertaça Cândido de Oliveira.

"As últimas três provas nacionais foram ganhas pelo FC Porto, vamos em breve apresentar resultados positivos de alguns milhões... Assumo todas as responsabilidades no que não estiver bem feito", disse Pinto da Costa, insistindo no tema do ciclo da sua presidência.

"Fim de ciclo? Estão enganados, estou aqui para lutar pelo FC Porto doa a quem doer", avisou o líder máximo do FC Porto, que falava em declarações à margem de uma cerimónia de homenagem de que foi alvo na Associação de Futebol do Porto.

De resto, o presidente dos azuis e brancos pediu aos presentes para não o abandonarem, prometendo também não o fazer e continuar a lutar pelo clube da Invicta.

"Contem comigo, não tenham medo de estar comigo. Estarei com todos e continuarei a ter todos os sonhos do mundo em favor do FC Porto", prometeu Pinto da Costa, avisando que vai continuar a trabalhar como até aqui pelos dragões.

Pinto da Costa desmente Vieira

"Enquanto aqui estiver, e ainda tenho mais de um ano e meio de mandato, continuarei a agir da mesma maneira, sempre em defesa do FC Porto", insistiu, não escondendo que ao longo de 40 anos que leva no comando do FC Porto cometeu alguns erros.

"Alguns cometem erros, outros caem no ridículo, mas é a vida", avaliou Pinto da Costa que, aos jornalistas, teve ainda oportunidade de negar que tenha dito a Luís Filipe Vieira que se fosse no Porto não teria sido detido como aconteceu há um ano em Lisboa.

"Não é verdadeira. Nunca poderia dizer isso, a justiça não funciona por cidades nem regiões, portanto é óbvio que nunca disse isso e é fácil demonstrá-lo".