Portugal
"Prontos para mais uma batalha, para no final vencermos a guerra", diz Petit
Redação
2021-03-20 16:05:00
Técnico do Belenenses SAD confiante em “boa resposta” da equipa diante do Rio Ave

O treinador Petit mostrou-se hoje confiante em que o Belenenses SAD vá “dar mais uma boa resposta” na visita ao Rio Ave, da 24.ª jornada da I Liga de futebol, em “mais uma batalha” para “conquistar a ‘guerra’”.

“Estou plenamente confiante de que os jogadores vão dar mais uma boa resposta amanhã. A equipa está muito mais madura. Acho que poderíamos ter muito mais pontos do que temos agora, mas faz parte do futebol. Do outro lado, as equipas também trabalham bem e têm boa qualidade de jogo. Isto é uma maratona de pontos e estamos prontos para mais uma batalha, para no final vencermos a guerra da manutenção”, afirmou.

Na antevisão ao encontro com os vilacondenses, Petit elogiou o setor intermédio e avançado do adversário, que “gosta muito de jogar em jogo interior e trabalha muito bem os pormenores, para depois acelerar e ter jogadores preparados para a velocidade”, mas sublinhou que o Belenenses SAD estará preparado para evitar ser surpreendido.

“Sabemos que é uma equipa que gosta de ter bola, de construir de trás, espera que a equipa adversária possa subir no terreno para depois soltar alguma pressão, fazer essa ligação e acelerar o jogo. Temos mais um treino, vamos analisar melhor e preparar bem a equipa para as dificuldades que vamos ter, para não sermos surpreendidos”, frisou.

Petit entende que o Rio Ave “mudou um pouco a sua ideia” com a chegada do técnico Miguel Cardoso, no final de janeiro, com “jogadores na frente com mais velocidade e que fazem muito bem a transição rápida”, fruto também do trabalho efetuado pelo trio do meio-campo: Pelé, Filipe Augusto e Francisco Geraldes.

“Jogam muito perto uns dos outros, em jogo interior, muito curto. O Carlos Mané está a baixar um pouco, poderá juntar-se muitas vezes às costas dos nossos médios. Temos visto onde o Rio Ave é mais forte e, nesse sentido, esses três jogadores do meio campo, quando têm bola, têm de ser pressionados, para impedir que o Rio Ave seja forte nesse momento do jogo e servir o ataque”, explicou.

Rúben Lima e Cafú Phete vão cumprir um jogo de suspensão e juntam-se aos lesionados Eduardo Kau e Nilton Varela no lote de indisponíveis para a partida, com Petit a confirmar que Diogo Calila irá jogar no lado esquerdo da defesa, dando o seu contributo para que o Belenenses SAD tente distanciar-se dos últimos lugares.

“Até ao dia de hoje, em termos de resultados, nunca tivemos séries negativas de jogos, conseguimos sempre reagir. Somos uma equipa que sabe o que faz dentro de campo e que se sente confortável com e sem bola. Temos um plantel curto, embora o foco esteja no que se trabalha diariamente, apesar de não termos as melhores condições, mas estes jogadores têm sido fantásticos, de uma determinação, vontade e querer enormes”, realçou.

O Belenenses SAD, 10.º classificado, com 25 pontos, desloca-se ao estádio do Rio Ave, nono, com 26, a partir das 15:30 de domingo, em jogo da 24.ª jornada da I Liga portuguesa de futebol, com arbitragem de Gustavo Correia, da associação do Porto.