Portugal
Programa e horários da 21.ª jornada da I Liga 2021/22
2022-02-03 12:35:00
FC Porto e Sporting com jogos de 'menor risco' antes de se defrontarem

O líder FC Porto, em Arouca, e o campeão Sporting, em casa com o Famalicão, têm na 21.ª jornada testes teoricamente acessíveis na corrida ao título na I Liga de futebol, numa luta que se cinge, cada vez mais, aos dois.

Com o Benfica em crise e já a 12 pontos da liderança, o campeonato parece destinado a ser uma luta entre ‘dragões’ e ‘leões’, que têm no domingo compromissos de ‘menor risco’, antes de se defrontarem no Dragão na jornada seguinte.

Mesmo perante a saída para o Liverpool do seu melhor marcador, o colombiano Luís Díaz, num ‘mercado’ em que viu entrar Galeno, Rúben Semedo e Stephen Eustáquio, a equipa de Sérgio Conceição não deverá ter dificuldades no domingo em trazer os três pontos de Arouca.

A equipa, a única sem qualquer derrota no campeonato – 18 triunfos e dois empates -, tem o plantel quase a 100%, com Manafá a ser o único a recuperar de lesão, o que dá ao treinador Sérgio Conceição maiores opções numa fase importante da época.

No domingo, os ‘dragões’ entram em campo frente ao Arouca (15.º) um pouco antes da receção do Sporting (segundo) ao Famalicão (16.º) e com a possibilidade, em caso de vitória, de colocarem alguma pressão nos rivais.

Não será, ainda assim, o pior teste para o Sporting – reforçado neste mercado com o vimaranense Marcus Edwards e com o ex-‘leão’ e goleador Slimani -, frente a um Famalicão cuja luta é atualmente pela fuga aos lugares de descida.

No FC Porto e Sporting importa ver se a jornada propicia ‘gestão de amarelos’ quando os dois emblemas têm alguns jogadores influentes em risco, casos de Uribe, Bruno Costa ou João Mário nos ‘dragões’, e Palhinha, Pedro Gonçalves, Porro, Sarabia ou Esgaio nos ‘leões’.

Com a época a meio e afastado praticamente da luta pelo título, eliminado da Taça de Portugal e derrotado na Taça da Liga, o Benfica cumpre penosamente o calendário, depois de nova derrota, na quarta-feira em casa com o Gil Vicente (2-1), ainda que esteja presente nos oitavos de final da ‘Champions’.

A saída em dezembro do treinador Jorge Jesus não teve qualquer efeito positivo e a equipa ainda agravou a sua incapacidade e falta das ideias, ao ponto de se tornar difícil a visita que fará na segunda-feira ao Tondela (13.º classificado).

Na 21.ª ronda, que tem início no sábado e apenas termina na segunda-feira, destaque ainda para o dérbi entre Vitória e Guimarães (sexto) e Sporting de Braga (quarto), com os vimaranenses na luta pela Europa, e os arsenalistas a seis pontos do terceiro lugar.

O jogo, de grande rivalidade entre os dois clubes da região minhota, mas que o Vitória de Guimarães não vence em casa desde 2015 – com cinco derrotas e um empate -, está marcado para as 20:30 de sábado.

Antes, também no sábado, Marítimo (nono) e Estoril Praia (sétimo), e Paços de Ferreira (12.º) e Portimonense (oitavo), defrontam-se, numa jornada em que todos procuram regressar aos triunfos.

Com Famalicão e Arouca a defrontarem no domingo os dois candidatos ao título, resta a Moreirense (17.º) e Belenenses SAD (18.º) tentarem tirar na segunda-feira algum proveito na luta pela fuga à descida, embora se defrontem.

 

Programa da 21.ª jornada:

- Sábado, 05 fev:

Marítimo – Estoril Praia, 15:30.

Paços de Ferreira – Portimonense, 18:00.

Vitória de Guimarães – Sporting de Braga, 20:30.

- Domingo, 06 fev:

Boavista – Vizela, 15:30.

Gil Vicente – Santa Clara, 15:30.

Arouca – FC Porto, 18:00.

Sporting – Famalicão, 20:30.

- Segunda-feira, 07 fev:

Tondela – Benfica, 19:00.

Moreirense – Belenenses SAD, 21:15.

Tags: