Portugal
Primeira parte alucinante dita empate entre Famalicão e Tondela
Redação
2021-04-26 21:50:00
Quatro golos em 45 minutos, dois dos quais no período de descontos da etapa inicial

Famalicão e Tondela empataram hoje 2-2, numa partida muito rica durante a primeira parte, relativa à 29.ª jornada da I Liga.

Entrou melhor a equipa famalicense, que chegou a uma vantagem de dois golos, com tentos de Ivo Rodrigues (10 minutos) e de Leonardo Campana (28). Mas os visitantes empataram já nos descontos da etapa inicial, através de Mario González (45+2) e de Jhon Murilo (45+3).

A equipa famalicense ocupa agora a 12.ª posição da tabela classificativa, com 31 pontos, enquanto o Tondela sobe, provisoriamente, ao oitavo lugar, com 35 (fica à espera do resultado do Moreirense frente ao FC Porto).

Ivo Vieira, para este encontro, fez duas alterações em relação ao jogo com o Gil Vicente. O técnico optou por tirar Ugarte e Anderson e para os seus lugares entraram Campana e Iván Jaime, autores dos golos frente à equipa de Barcelos. Por outro lado, o técnico dos beirões fez quatro mudanças no 'onze'. Tiago Almeida, Enzo Martinez, João Pedro e Salvador Agra renderam Bebeto, Ricardo Alves, Pedro Augusto e Rafael Barbosa.

O Famalicão entrou bastante forte na partida, a exercer muita pressão a nível ofensivo, não dando hipótese ao Tondela de reagir.

Aos 10 minutos, a equipa da casa inaugurou o marcador com um golo de Ivo Rodrigues. O avançado rematou diretamente à baliza de Pedro Trigueira e a bola só parou no fundo das redes.

O Tondela ia tentando surpreender um Famalicão moralizado e necessitado de vitórias. Aos 19 minutos, Murillo desperdiçou uma grande oportunidade. Filipe Ferreira cruzou, colocando o jogador em boa posição de rematar à baliza, no entanto, Murillo falhou a emenda.

Ainda assim, aos 28 minutos, e sempre com o Famalicão por cima e a criar mais lances de perigo, a equipa de Ivo Vieira chegou ao segundo golo. Campana desta vez não perdoou. Depois de um cruzamento de Ivo Rodrigues, o avançado, com um pequeno toque, atirou a bola para dentro da baliza, passando por cima de Trigueira. Ainda assim, o lance teve que ser analisado pelo videoárbitro por suposto fora de jogo. Ao fim de quatro minutos, a decisão de golo foi validada.

A resposta tondelense surgiu já no tempo de descontos antes do intervalo.

Num minuto, a equipa comandada por Pako Ayestarán conseguiu anular a vantagem de dois golos dos famalicenses. Aos 45+2, Mario González reduziu e Murillo, no minuto seguinte, fez o segundo do Tondela, antes do apito para intervalo.

À semelhança do que tinha acontecido no arranque do primeiro tempo, o Famalicão voltou a entrar melhor na segunda etapa, com os primeiros minutos a serem disputados, essencialmente, na área do Tondela.

Ainda assim, e com o decorrer do jogo, a partida foi 'arrefecendo'. A isso também ajudaram as várias substituições feitas pelos dois treinadores, num curto período de tempo.

Já perto do final, o Famalicão esteve perto de se colocar novamente em vantagem. Anderson desviou de cabeça, mas Trigueira negou o golo.

Em tempo extra, Yohan Tavares ainda fez tremer a equipa da casa. O jogador do Tondela cabeceou à baliza e a bola saiu ligeiramente por cima.