Portugal
“Parece que o Sporting já perdeu o campeonato e ainda tem seis pontos de avanço”
Redação
2021-04-13 12:55:00
Ricardo comenta o segundo empate consecutivo do líder e fala em algo que "já suspeitava que iria acontecer"

O antigo guarda-redes do Sporting confessa que “já suspeitava” que este cenário poderia ocorrer ao clube de Alvalade: à primeira fase menos boa, iria ser colocado em causa todo o trabalho da equipa, ao longo da temporada. O ex-internacional português recorda quem vai na frente. 

Este novo empate do Sporting relança tudo isto que eu já suspeitava que iria acontecer. Parece que o Sporting já perdeu o campeonato e ainda tem seis pontos de avanço”, ironiza Ricardo, num comentário ao momento leonino, feito no programa Titulares, na Sport TV. 

Ricardo compreende que se levantem questões, até porque “dois empates consecutivos é algo que o Sporting ainda não tinha experimentado, na presente época. Porém, o guarda-redes que representou o emblema de Alvalade recorda que seis pontos “é uma vantagem confortável”, ainda que “o campeonato fique mais animado”.  

Por seu turno, Simão Sabrosa, presente em estúdio, destaca o facto de a equipa de Rúben Amorim estar mais pressionada, por entrar em campo depois dos rivais, nesta ronda, e depois de empatar com o Moreirense, o que diluiu o sentimento de liderança folgada. E daí resulta uma nova divisão de pontos, desta vez com o Famalicão. 

“O facto de o Sporting jogar depois de FC Porto e Benfica, sabendo que os adversários já ganharam, cria mais ansiedade e pressão”, diz Simão. No entanto, ressalva, “seis pontos é uma boa vantagem e estar atrás não é bom”. “É sempre melhor estar à frente”, complementa Simão Sabrosa, que continua a entregar o favoritismo ao Sporting. 

Visão diferente tem Chaínho, outro dos comentadores residentes do programa Titulares. Para o antigo médio que se notabilizou no FC Porto, uma vantagem de seis pontos quando ainda restam oito jornadas não pode deixar nenhum sportinguista tranquilo. 

Seis pontos em oito jogos é uma vantagem perigosa. O campeonato está relançado”, defendeu Chaínho, relembrando as contingências do calendário, que preveem deslocações difíceis do Sporting, a Braga e à Luz, bem como alguns jogos com equipas envolvidas na luta pela manutenção.