Portugal
"Otávio é muito protegido. É estranho só ter um amarelo"
2023-01-30 09:35:00
"Em dez confusões, ele está metido em nove. E quando não está metido, vai lá", diz ex-capitão encarnado Diamantino

O Benfica não marcou presença na final da Taça da Liga mas o clássico entre Sporting e FC Porto, que os dragões venceram não passou despercebido ao antigo capitão encarnado Diamantino Miranda que deixou alguns comentários a respeito da partida de Leiria que contou com momentos de tensão e nervos à flor da pele.

Desde logo, Diamantino Miranda realça que, em relação ao primeiro golo dos azuis e brancos, onde o guardião sportinguista Adán 'ficou mal na fotografia', se fosse o guarda-redes de outra equipa não faltariam opiniões a levantar "suspeitas" face à conduta desportiva do jogador espanhol.

"Não faltava quem começasse a levantar suspeitas de que o golo teria sido oferecido pelo guarda-redes. Claro que não é isso que se passa. Os guarda-redes também falham. O Adán tem algum azar com o FC Porto", comentou o antigo capitão encarnado, referindo que dá para perceber que o guarda-redes espanhol se fez à bola "com muita confiança".

"Foi com muita confiança para a bola", indicou Diamantino Miranda, que falava em declarações num programa de desporto da CMTV, onde observou que não percebe como é que Otávio continua a escapar de punições disciplinares.

Em 21 jogos oficiais esta época a nível interno, entre campeonato nacional, Taça da Liga e Taça de Portugal, o médio soma uma cartolina amarela.

"O Otávio ia a rebolar de uma área à outra se fosse o Pedro Gonçalves"

"Há um jogador do FC Porto que é especialista e gostávamos de ter no nosso clube. Ou simula, ou grita, ou discute, ou manda-se para o chão, às vezes agride, quer dizer, e consegue irritar uma equipa quase completa. O Otávio", assinalou Diamantino Miranda, notando que o internacional por Portugal "tem fama e proveito".

"O Otávio não é um jogador violento nem muito agressivo. A minha crítica ao Otávio não vai por aí. É um jogador irritante", destacou o ex-futebolista, frisando que o camisola 25 dos azuis e brancosa "é muito protegido".

"É um jogador muito protegido pelas ações que tem em campo", disse, dando um exemplo por comparação com um jogador do Sporting.

"O Gonçalo Guedes tem tantos amarelos como o Otávio. São estratégias"

"Por exemplo, estava a rir-me do lance do Wendell com o Pedro Gonçalves [na final da Taça da Liga, em Leiria]. O Pedro Gonçalves caiu e levantou-se logo. Aquilo que eu quero dizer é que um soco daqueles no Otávio, ele ia de uma baliza à outra a rebolar. É isso que irrita", comentou Diamantino Miranda.

Para o antigo capitão do Benfica é claro que "em dez confusões, ele está metido em nove". "E quando não está metido, vai lá", mencionou Diamantino, mostrando-se admirado que o jogador do FC Porto só tenha um amarelo em 21 jogos oficiais.

"É estranho só ter um amarelo quando tem muitos atos antidesportivos", disse, indicando, por exemplo, que o benfiquista Gonçalo Guedes, que chegou há poucas semanas ao Benfica, já tem tantos amarelos como Otávio.

"O Gonçalo Guedes tem tantos amarelos como o Otávio. São estratégias e o FC Porto faz muito bem isso", concluiu Diamantino Miranda.