Portugal
"O Sporting é a única equipa que não tem tido dificuldades. É ultraconsistente"
2024-02-24 15:00:00
"É verdade que empatou com o Young Boys, mas podia ter goleado 4 ou 5"

O Sporting vive uma temporada de emoções intensas, com Rúben Amorim a guiar a equipa para uma liderança sólida na Primeira Liga portuguesa e a confirmar a sua presença nos oitavos de final da Liga Europa.

A qualificação foi garantida com um empate 1-1 frente ao Young Boys, após uma vitória convincente na Suíça por 3-1. Viktor Gyökeres e a perspicácia da equipa deixam os adeptos em êxtase, mas a competição promete ser cada vez mais desafiadora.

O Estádio José Alvalade foi palco do jogo decisivo contra o Young Boys, onde Gyökeres, aos 13 minutos, ampliou a vantagem leonina na eliminatória. Um jogo que poderia ter resultado numa goleada expressiva, não fosse o desacerto na finalização e uma grande penalidade desperdiçada pelo próprio avançado sueco aos 57 minutos.

O empate, no entanto, não abalou a confiança da equipa, que assegurou a presença nos oitavos de final da Liga Europa pela quinta vez na sua história.

"O empate acaba por ser enganador e acho que não influencia em nada aquilo que o Sporting tem vindo a fazer"

Face à consistência exibicional e, conseuquentemente, de resultados da turma leonina, Diogo Luís, antigo jogador português e atual comentador, elogiou a postura da equipa portuguesa diante do emblema suíço, tendo destacado que, apesar do empate no jogo da segunda mão, a equipa de Amorim poderia ter goleado, destacando a qualidade do jogo leonino.

"É verdade que empatou com o Young Boys, mas podia ter goleado 4 ou 5. Criou ocasiões suficientes para golear. E também, deixa-me dizer, os jogadores já estavam algo relaxados porque o jogo estava na mão", começou por dizer o antigo lateral do Benfica, em declarações na CNN Portugal.

"A eliminatória estava na mão. Todos sentiram isso. O empate acaba por ser enganador e acho que não influencia em nada aquilo que o Sporting tem vindo a fazer", observa Diogo Luís.

Luís também elogiou a consistência do Sporting durante o mês de janeiro, destacando a superioridade da equipa em relação ao Braga, mesmo na derrota.

"O Sporting tem sido muito superior aos adversários"

O comentador enfatizou que, independentemente da quantidade de jogos, o Sporting tem sido superior aos adversários, dominando as partidas e criando várias oportunidades de golo.

"Mesmo durante o mês de Janeiro, na quantidade de jogos que o Sporting teve, é verdade que o Sporting perdeu um jogo, mas foi claramente superior ao Braga. Claramente superior. Criou 5-6 ocasiões, podia ter marcado, não marcou", lembrou.

"Falhou na finalização. Por isso, o que quero dizer é que, independentemente do Sporting jogar 3 em 3 dias, a verdade é que é a única equipa que não tem tido dificuldades em ultrapassar os seus obstáculos. Tem sido ultraconsciente e tem vencido todos os jogos com todo o merecimento", acrescentou Diogo Luís.

O antigo lateral do Benfica destacou ainda o facto de os pupilos de Amorim mostrarem estar preparados para todos os desafios, considerando o Sporting a "única equipa que não tem tido dificuldades" no campeonato português. 

"Domina os adversários, cria várias ocasiões de golo. Em alguns jogos, até ao minuto 90, está a criar ocasiões. Noutros, a relaxar um pouco mais pela gestão que vai fazendo", frisa Luís.

"E eu acho que esse é um ponto muito importante e por isso é que eu percebo o problema do Amorim. O único nervosismo dele é a incerteza. Quando não tem a certeza das coisas", disse o comentador, antes de lembrar o jogo de Famalicão, que foi adiado por falta de policiamento.

"Em Famalicão não houve jogo. Houve nervosismo naquele momento. A partir do momento em que disseram não há jogo, ele passou para a fase seguinte. E eu acho que isso demonstra, a equipa do Sporting demonstra isso dentro do relevado. Os jogadores estão preparados para aquilo que encontram pela frente. Podem perder jogos, podem empatar, mas estão preparados", destacou.

"Mas a verdade é que têm sido sempre muito superiores aos adversários que têm encontrado pelo caminho", rematou Diogo Luís.