Portugal
"O cemitério está cheio de insubstituíveis. Respeito a opinião do Rafa"
2024-01-10 10:45:00
"Benfica tem feito tudo através da sua Direção e do presidente para procurar um novo acordo com ele", diz Capristano

Rafa Silva está em final de contrato no Benfica e tem sido apontado a outras paragens. Nos últimos dias, o nome do avançado encarnado foi colocado na rota de Alvalade, com Rúben Amorim a comentar essa situação em conferência de imprensa e outras figuras ligadas ao passado verde e branco. José Manuel Capristano, antigo vice-presidente das águias, gostaria que Rafa pudesse continuar na Luz mas admite que será difícil à Direção liderada por Rui Costa manter o camisola 27.

"Das informações que tenho, Benfica tem feito tudo através da sua Direção e do presidente para procurar um novo acordo com ele", informou José Manuel Capristano, realçando que, apesar dos esforços encarnados, não tem havido entendimento entre as partes para prolongar o vínculo entre a SAD das águias e Rafa Silva.

"Tem sido infrutífero", lamentou Capristano, esperando que Rafa Silva entregue tudo de águia ao peito até ao final do contrato que tem e que, atualmente, termina em junho de 2024.

"Naturalmente que respeito muito a opinião dele porque está a dar ao Benfica o que pode até ao final do contrato. Tem jogado muito bem, fantasticamente", salientou o antigo dirigente encarnado.

"O cemitério está cheio de insubstituíveis"

Por outro lado, José Manuel Capristano não se mostra preocupado com a possível saída de Rafa Silva, lembrando que só Eusébio da Silva Ferreira se tornou lendário ao ponto de ser insubstituível.

"Depois da saída do Eusébio, os que fazem falta são os que estão no Benfica", argumentou José Manuel Capristano, concordando que Rafa é um jogador com qualidades, mas, se este sair, outros poderão chegar à Luz para o render.

"Dava muito jeito ao Benfica ficar com ele, pois é um grande jogador de futebol", concordou José Manuel Capristano, sem prolongar os lamentos quanto a uma eventual saída de Rafa Silva.

"O cemitério está cheio de insubstituíveis e não é por isso que deixam de morrer", assegurou o antigo vice-presidente do Benfica, em declarações ao portal Notícias ao Minuto, onde insistiu que Rafa tem talento e "qualquer grande jogador faz falta ao Benfica".

José Manuel Capristano disse ainda que confia na administração encarnada, mas reconhece que se Rafa Silva tiver propostas do Médio Oriente, estas serão mais vantajosas para o atleta economicamente.

"Tudo tem sido feito no sentido de ele ficar, mas se ele olhar só para o dinheiro e não para a parte desportiva...", apontou o antigo vice-presidente do Benfica José Manuel Capristano.