Portugal
"Nem foi preciso os árbitros irem no avião do Benfica", critica Amaral
2020-06-03 09:30:00
Ex-guarda-redes do FC Porto espera regresso da Liga sem casos de arbitragem

Antigo guarda-redes do FC Porto, Jorge Amaral espera que o regresso do campeonato seja marcado pelo rigor na arbitragem e sem casos, depois de também Sérgio Conceição ter deixado uma mensagem à "terceira equipa" com "a maior felicidade do mundo".

"Espero que além dos testes à covid, os árbitros tenham feito testes à vista para não serem daltónicos para não existir o covar-20 e para que não se repita o que se passou o ano passado", criticou o ex-guarda-redes do FC Porto.

Em declarações na CMTV, Jorge Amaral espera que o FC Porto ganhe ou perca o campeonato mas com "isenção" e lembra o que aconteceu na última época, em sua opinião.

"Foi muito evidente. Nem foi preciso os árbitros irem no avião do Benfica", disse, apontando para o que "aconteceu" em "Vila do Conde, Santa Maria da Feira, em Braga".

Para Jorge Amaral, foram "demasiados jogos na parte final em que ajudaram a manter a chama de vitória que o Benfica já tinha, porque vinha com essa chama".

O antigo guardião azul e branco diz que o FC Porto "está avisado" e os jogadores também estão "avisados".

A I Liga de futebol regressa hoje, após quase três meses de paragem, devido à pandemia da covid-19, com o FC Porto a tentar reforçar a liderança na visita ao Famalicão, na 25.ª jornada.

Os dragões, que têm um ponto de vantagem sobre o Benfica, são os primeiros dos candidatos ao título a reentrarem em campo, com uma deslocação à casa do sétimo classificado e equipa sensação da prova, mas que antes da interrupção estava a cair de produção, com uma única vitória em oito jogos.