Portugal
"Não preciso de Rennie. Finalmente, Pinto da Costa segura jogadores"
Redação
2021-03-23 16:10:00
"A inovação é, em relação aos últimos anos, é que não deixou sair de graça", diz Braz Frade

Nos últimos anos, do FC Porto saíram vários jogadores a custo zero como Héctor Herrera, Yacine Brahimi, Iván Marcano ou Diego Reyes, entre outros.

Porém, recentemente, Pinto da Costa conseguiu renovar com Sérgio Oliveira que estava em final de contrato e, nesta semana, oficializou a renovação de Otávio, que também estava a poucos meses de deixar de estar vinculado aos dragões.

No nomento da oficialização do acordo para o novo contrato, o presidente do FC Porto, Pinto da Costa, aproveitou para deixar um recado à oposição interna, que no último ano eleitoral o responsabilizou pelas saídas de vários jogadores nucleares, mas também aos rivais.

"Otávio, desejo-te as maiores felicidades, que continues a contribuir com o teu esforço e valor para as vitórias do FC Porto, que te prepares que vamos ter muitos jogos ainda para ganhar este ano e muitos jogos para pôr os invejosos ainda com mais inveja. Vais contribuir para que as farmácias continuem a vender Rennie", afirmou Pinto da Costa, no relvado do Estádio do Dragão, ao lado do médio brasileiro.

Braz Frade, antigo dirigente do Benfica, desvaloriza as palavras do presidente dos azuis e brancos e diz que os portistas devem enaltecer a capacidade que o seu presidente, desta feita, revelou ao segurar uma das peças mais relevantes do onze de Sérgio Conceição.

"A grande inovação desta vez é que pelo menos o Pinto da Costa, em relação aos últimos anos, não deixou sair de graça", disse Braz Frade, explicando que não lhe cabe a 'boca' dada pelo presidente dos dragões em relação às pastilhas para a azia. 

"Não preciso de Rennie. O FC Porto a mim não me dá azia. Dá-me zero de azia", comentou Braz Frade, inistindo na mesma ideia de que, após várias saídas de jogadores a custo zero, Pinto da Costa conseguiu renovar com alguns jogadores que estavam em final de contrato.

"O senhor Pinto da Costa conseguiu, finalmente, segurar jogadores para não sairem de graça para outros clubes estrangeiros. Para os sócios do FC Porto é positivo", analisou Braz Frade.

Otávio, de 26 anos, por seu lado, em reação à renovação, adiantou sentir-se "muito feliz" por continuar a equipar de azul e branco. "Sempre disse que queria permanecer no FC Porto. Sinto-me em casa aqui e este é um sonho realizado. Eu queria esta renovação e fico feliz".

Se no FC Porto são jogadores com vários anos de casa que vão renovando, casos de Otávio e Sérgio Oliveira, em Alvalade é a aposta na formação e em jovens jogadores que vai dando que falar.

Na CMTV, Braz Frade falou também sobre esta aposta que o Sporting tem feito em vários jovens da sua 'cantera'.

Para o ex-dirigente encarnado, o discurso de Rúben Amorim e as apostas têm feito sentido mas aguarda com curiosidade como serão as palavras e os comportamentos em relação aos jovens da casa na eventualidade de os leões perderem jogos.

"É muito fácil falar quando se está a ganhar. Vamos ver como será o discurso quando perder", indicou Braz Frade.