Portugal
Manuel Machado de saída do comando técnico do Nacional  
2021-05-22 22:05:00
Treinador tinha substituído Luís Freire à entrada para a 25.ª jornada

O Nacional, equipa que foi despromovida à II Liga portuguesa de futebol, anunciou hoje que não irá renovar o contrato com o treinador Manuel Machado.

O técnico, de 65 anos, havia substituído Luís Freire no comando do Nacional à entrada para a 25.ª jornada, com o Nacional a ocupar na altura o 16.º lugar. Logo na estreia, perdeu com o Portimonense, no Estádio da Madeira, no Funchal, por 5-1, "afundando-se" no último lugar, de onde não mais saiu até ao final da prova.

Em 10 jogos, somou uma vitória, ante o Vitória de Guimarães (1-0), um empate em Moreira de Cónegos, frente ao Moreirense (2-2), e oito derrotas.

O técnico orientou o Nacional já por diversas ocasiões, a primeira na temporada de 2005/06.

Regressou em 2008/09, ficando por dois anos, e voltou a orientar a equipa no período compreendido entre 2012/13 e 2016/2017.

Manuel Machado levou o conjunto madeirense a terminar o campeonato nos lugares de acesso à Liga Europa em 2005/06 e 2008/09, época na qual o Nacional alcançou a melhor classificação de sempre, ao concluir a prova no quarto lugar.

O técnico, natural de Guimarães, estava ao comando do Berço, equipa da Série B do Campeonato de Portugal, equivalente ao terceiro escalão, antes de assinar pelo Nacional na presente temporada.

Manuel Machado começou a já longa carreira nos escalões de formação do Vitória de Guimarães. Foi técnico principal do Vitória de Guimarães, que levou também às competições europeias, em 2004/05 e 2010/11, Académica, Moreirense, Sorting de Braga, Arouca, Vila Real e Fafe, tendo ainda uma curta experiência no estrangeiro, no Aris, da Grécia.