Portugal
Grupo de acionistas da SAD do Sporting pede demissão de Varandas
2020-08-06 21:55:00
Chegou esta quinta-feira uma carta ao Conselho de Administração que coloca em causa gestão da direção leonina

Esta quinta-feira, um grupo de cerca de uma centena de sócios e acionistas enviou uma carta ao Conselho Diretivo do Sporting na qual aponta várias falhas nos resultados e planeamento da época desportiva.

Desde o quarto lugar na I Liga, às 17 derrotas em todas as competições – um recorde do clube –, passando pelo facto de o Sporting ter tido quatro treinadores numa época desportiva, o grupo começa a carta por explicar que se encontra “perplexo” com a gestão da direção liderada por Frederico Varandas.

Como tal, o grupo de sócios e acionistas pede a demissão do presidente do Sporting e dos restantes administradores da SAD – André Bernardo, Francisco Zenha, João Sampaio e Nuno Correia da Silva.

“Face ao cenário descrito, solicitamos respeitosamente que V.Exas se demitam da Administração da sociedade. Aguardamos com urgência, a resposta de V.Exas que esperemos que  vá de encontro as nossas preocupações”, afirmam.

Luís Pires, um dos rostos deste movimento de acionistas, esclarece que este grupo está preocupado com a gestão leonina e garante que este movimento “conta com mais pessoas”.

“Este movimento surge a partir de um grupo de pequenos acionistas, preocupados com a gestão da Sporting, SAD e, principalmente, com o sócio maioritário desta sociedade, o Sporting”, indica Luís Pires ao jornal A Bola.