Portugal
"Gonçalo Ramos disse presente quando foi preciso", afirma Rui Jorge
Redação
2021-03-19 11:55:00
Selecionador não chamou avançado do Benfica para o Euro

Apesar de Gonçalo Ramos não estar a somar tantos minutos quantos, naturalmente, o jogador pretenderia na equipa principal do Benfica, Rui Jorge, selecionador nacional da equipa de sub-21, confia nas potencialidades do avançado das águias, embora não o tenha convocado para a fase final do Euro da categoria.

"Gonçalo Ramos disse presente quando foi preciso", afirmou Rui Jorge, confiando no jogador encarnado, apesar de não o ter chamado para representar desta vez a equipa portuguesa nos desafios que se avizinham no horizonte.

Porém, Rui Jorge admitiu que não lhe cabe a tarefa de pedir desculpa. "São decisões do treinador, não tem de pedir desculpa por elas, tem de as assumir enquanto líder de um grupo, embora lhe custe em termos humanos", referiu o técnico português.

Igualmente a realizar uma temporada áquem dos minutos que esperaria ter em França, mas convocado por Rui Jorge, Florentino Luís merece o reconhecimento do técnico português.

"O Florentino estará em forma", vaticinou Rui Jorge, em conversa no Record, ele que já tinha dado conta também das ambições que tem para Tiago Tomás, do Sporting, e Francisco Conceição, do FC Porto.

“Não os convoquei pelo elemento surpresa, mas pelas características. O Francisco é imprevisível, forte no um contra um e tecnicamente refinado. O Tiago tem profundidade, trabalha bastante e está moralizado. Serão mais dois elementos que nos podem ajudar”, explicou o técnico, em conferência de imprensa, na Cidade do Futebol, em Oeiras, no começo da semana.

Portugal vai realizar os três jogos na Eslovénia e estreia-se frente à Croácia, a 25 de março, às 20h00 de Lisboa, em Koper, antes de rumar a Ljubljana para defrontar Inglaterra (28 de março, às 21h00 locais) e Suíça (31 de março, às 18h00).

A formação de Rui Jorge terá de terminar numa das duas primeiras posições do Grupo D para se qualificar para os quartos de final do Europeu de sub-21, que vai dispersar 16 seleções por quatro grupos.

O Europeu de sub-21 vai ser disputado na Hungria e Eslovénia, com a fase de grupos a decorrer de 24 a 31 de março e a ronda eliminatória (quartos de final, meias-finais e final) entre 31 de maio e 6 de junho.

Disposto por quatro cidades húngaras e outras tantas eslovenas, o torneio viu o formato ser remodelado em consequência do adiamento do Campeonato da Europa sénior de 2020 para 2021, por força das medidas restritivas de combate à pandemia de covid-19.