Portugal
Francisco J. Marques com "pena" que jogo do Sporting "não tenha tido VAR"
Redação
2021-04-16 23:20:00
Diretor do FC Porto irónico sobre lance de grande penalidade reclamada pelo Farense

O diretor de comunicação do FC Porto, Francisco J. Marques, não demorou a criticar a arbitragem do jogo do Sporting com o Farense, usando para tal as imagens de um lance em que a formação algarvia reclamou uma grande penalidade, não assinalada pela equipa de arbitragem liderada por Hugo Miguel.

Aos 44 minutos da partida, quando os leões venciam por 1-0, que acabaria por ser o resultado final e garantir mais três pontos à formação de Alvalade, o Farense considerou faltosa uma entrada de Nuno mendes sobre Tomás Tavares.

"Foi uma pena que este jogo em Faro não tenha tido VAR. Se tivesse tido com certeza estes lances teriam sido corrigidos", comentou Francisco J. Marques, no Twitter.

O dirigente dos dragões tem-se envolvido, nesta reta final do campeonato, numa troca de 'bocas' com o homólogo do Sporting, Miguel Braga. Já esta semana, Francisco J. Marques recuperou as críticas do dirigente leonino ao comportamento de Sérgio Conceição, treinador do FC Porto. "Por muita poeira que levantem a verdade é que o bem comportado Rúben Amorim foi expulso quatro vezes esta época, mais uma do que o suposto mal comportado Sérgio Conceição. Venham agora os Miguéis Bragas deste mundo destratar o treinador do FC Porto. Ou vão meter a viola no saco?", provocou Francisco J. Marques.

Logo na entrevista rápida após a partida, o treinador do Farense, Jorge Costa, falou sobre esse alegado penálti, referindo ainda outras decisões da arbitragem contestadas pelos algarvios. "Há um penálti sonegado. Só quatro ou cinco pessoas é que não viram", criticou.

Também a propósito do Sporting, o diretor de comunicação do FC Porto acusou a SportTV de "branquear" uma grande penalidade contra os leões na partida com o Moreirense, num lance entre Feddal e Walterson. "É uma vergonha o que está a acontecer neste final de campeonato", condenou, frisando que "são estes erros que adulteram a verdade desportiva, porque influenciam o resultado".