Portugal
FC Porto “tem um quinto dos penáltis” da I Liga, assinala Miguel Braga
Redação
2021-02-26 13:10:00
Num artigo no jornal do clube, o diretor de comunicação do Sporting recorre à ironia e fala do "fair-play" do FC Porto 

Em vésperas de um clássico que pode decidir o título, o diretor de Comunicação do Sporting dedica um artigo no jornal do clube às grandes penalidades assinaladas a favor dos dragões, bem como ao reduzido número de cartões amarelos que foram exibidos a jogadores da formação azul e branca. 

“Nas primeiras 20 jornadas, o FC Porto foi a equipa com mais penáltis a favor, num total de 12, o que representa um castigo máximo a favor em 60 por cento dos jogos”, enquadra Miguel Braga, que recorre a detalhes de estatística para salientar que um em cada cinco castigos máximos assinalados nas 21 jornadas da I Liga favoreceram os dragões. 

Para se ter uma ideia do feito, numa competição com 18 equipas, o FC Porto tem, sozinho, 19,04 por cento da totalidade dos penáltis marcados esta época na Liga”, reforça o responsável pela comunicação leonina, acreditando que estes dados podem surpreender os leitores. “Sim, leu bem. Apenas uma equipa tem um quinto de todos os penáltis marcados esta temporada”, escreve Miguel Braga. 

Noutro ponto de análise, em que observa o número de cartões amarelos exibidos a jogadores do FC Porto, na presente temporada, Miguel Braga realça um dado que, na sua opinião, é “perversamente peculiar. 

A formação treinada por Sérgio Conceição é “a equipa menos amarelada do campeonato nacional, o que não deixa de ser perversamente peculiar”. “O FC Porto também se arrisca a ganhar o prémio fair play da Liga NOS”, ironiza o diretor de Comunicação do Sporting. 

Na presente época, os jogadores do FC Porto viram 32 cartões amarelos e quatro cartões vermelhos, em resultado de 320 faltas. O Sporting apresenta números semelhantes, no que diz respeito à quantidade de faltas, e tem já 52 cartões amarelos e um cartão vermelho. 

As duas equipas vão defrontar-se neste sábado, num clássico que poderá decidir o título – não em termos matemáticos, mas porque, em caso de vitória do Sporting, os leões alargam a vantagem para 13 pontos.  

Porém, este jogo representa também um teste à liderança dos pupilos de Rúben Amorim. Uma vitória do FC Porto colocará as duas equipas separadas por sete pontos, mas representaria algo mais: seria a primeira derrota do Sporting na I Liga e colocaria alguma pressão sobre os jovens leões, que surpreendem pela maturidade. 

Sérgio Conceição, refira-se, considerou recentemente que o FC Porto estará obrigado a vencer todos os jogos. E tudo o que não seja uma vitória frente ao líder pode representar um adeus precoce à revalidação do título.  

O encontro será disputado no Estádio do Dragão, neste sábado, a partir das 20h30. Veja aqui o programa da I Liga.