Portugal
FC Porto sobe ao segundo lugar provisório e pressiona SC Braga e Benfica
Redação
2021-03-07 11:20:00
Benfica e SC Braga defrontam Belenenses e Vitória, respetivamente

O FC Porto recuperou, de forma provisória, o segundo lugar da I Liga, ao vencer ontem o Gil Vicente, por 2-0, pressionando o SC Braga e Benfica, na luta pelos lugares de acesso à Champions - presumindo-se que a ampla vantagem do Sporting deixa os leões de fora desta disputa.

Depois do comprometedor empate 0-0 em casa, precisamente com o Sporting, e da derrota, a meio da semana, por 3-2, na receção aos bracarenses, que os afastaram da final da Taça de Portugal, os dragões regressaram ontem às vitórias, passando a somar 48 pontos, mais dois do que os arsenalistas e mais seis do que as águias.

O Benfica joga amanhã com o Belenenses SAD, no reduto do adversário, tentando reaproximar-se ao FC Porto. Já o SC Braga entra em campo na terça-feira, na receção ao Vitória de Guimarães. Em caso de triunfo, a equipa de Carlos Carvalhal regressa ao segundo lugar.

O Sporting, que na sexta-feira se impôs ao Tondela por sofrido 2-1, lidera com 58 pontos, mais 10 do que o FC Porto, que, na luta pelo segundo lugar e o acesso direto à Champions, tem dois de avanço para os bracarenses e seis para o Benfica, que segunda-feira visita o Belenenses SAD.

O Gil Vicente caiu para a zona do ‘play-off’ de descida, pois é 16.º colocado, com os mesmos 19 pontos do Farense e do Famalicão, penúltimo, e somente mais um do que o Marítimo, que ainda não jogou e caiu para a derradeira posição.

Na luta pela fuga à despromoção, o Boavista deixou a lanterna-vermelha, após vencer na receção ao rival Famalicão, por 3-0, com golos de Ricardo Mangas, aos 17, Paulinho, aos 65, e do colombiano Sebastian Perez, aos 90+1, num jogo em que o uruguaio Ugarte foi expulso, aos 74 minutos, com cartão vermelho direito, deixando os forasteiros reduzidos a 10.

Com o quarto triunfo na prova, o Boavista ultrapassou quatro equipas e subiu ao 14.º lugar, com os mesmos 21 pontos do Nacional, 13.º, numa segunda metade da classificação em que as equipas estão muito próximas.

O Portimonense também se afastou da zona mais ‘aflitiva’, com confortável triunfo por 3-0 na receção ao Tondela, equipa à qual ameaça agora o nono lugar, ‘preso’ por um ponto.

Os algarvios confirmaram a sua superioridade com um ‘bis’ de Beto, aos 14 e 54 minutos, intercalado por um tento de Aylton Boa Morte, aos 35.