Portugal
"Ela por ela. FC Porto uma Liga Europa, Benfica duas finais. Cinco ligas cada"
Redação
2021-03-25 18:30:00
Reação de Octávio ao ranking da IFFHS que colocou águias como melhor equipa lusa da década

A Federação Internacional de História e Estatísticas de Futebol (IFFHS) revelou o seu mais recente ranking de clubes a respeito dos resultados obtidos na última década e tabelou os 140 melhores emblemas perante os seus cálculos.

No período compreendido entre 2011 e 2020, para o IFFHS, o Barcelona foi o melhor clube, o Real Madrid o segundo melhor e o Bayer Munique completou o pódio.

No que toca à realidade nacional e olhando para os dois únicos campeões nacionais ao longo da década, o Benfica é o único representante português no top-20 e surge na 20.ª posição, com 1762 pontos alcançados sendo, para a IFFHS, o melhor clube luso, ultrapassando toda a concorrência.

O emblema da Luz mostra-se satisfeito com esta classificação e realça que "tendo-lhe sido atribuídos 1762 pontos pela IFFHS, fruto dos resultados desportivos alcançados", o Benfica constitui-se assim "como o melhor clube português da última década".

Se a nível interno, no que toca aos campeonatos conquistados, as águias somaram cinco e outros tantos foram para o FC Porto, a nível das competições europeias o currículo dos dragões é maior na última década, se se olhar, pelo menos, no que toca a troféus.

Na bagagem portista consta, uma Liga Europa conquistada, em 2011, enquanto que o Benfica nada somou ao nível de títulos europeus.

Olhando em detalhe para as campanhas de águias e dragões na Champions, de 2010 em diante, o Benfica participou sempre, pelo menos, na fase de grupos, conseguindo ir por duas ocasiões aos quartos de final (2011-12 e 2015-16) e uma aos oitavos (2016-17).

De 2010 para a frente, os dragões na Champions participaram em quase todas as edições, falhando apenas a edição de 2019-20. Neste caminho, ao longo da década, foram aos oitavos por três ocasiões (2012-13, 2016-17 e 2017-18) e aos quartos em duas (2014-15 e 2018-19), não contando com a participação nesta época onde o FC Porto já chegou, pelo menos aos quartos de final.

Octávio Machado, antigo treinador de FC Porto e Sporting, entre outros emblemas, enaltece as caminhadas dos emblemas nacionais quer interna quer externamente. E entende que a coisa anda "ela por ela" entre ambos.

"Não podemos escamotear os dados, são os princípios que gerem essa classificação. São números. Cinco títulos para cada um. Ninguém pode chamar a si a hegemonia nos últimos 10 anos. A nível das competições europeias é uma realidade. O FC Porto ganhou uma Liga Europa, o Benfica esteve em duas finais, esteve nos quartos de final da Liga dos Campeões. O FC Porto também com Sérgio Conceição. Devem estar ela por ela", indicou Octávio Machado, aproveitando para defender que o futebol luso precisa é de uma mudança ao nível da arbitragem para entrar na elite europeia.

"O futebol português tem demonstrado claramente que, em Portugal, as coisas têm de ser de outra maneira na organização. Não tivemos nenhum árbitro no último europeu", referiu Octávio Machado na CMTV.