Portugal
"É o jogo da nossa vida, em que vamos estar pressionados para vencer"
Redação
2021-03-12 16:20:00
Jorge Costa relativiza pressão e espera que o Farense apresente, frente ao Belenenses SAD, a imagem das últimas partidas

O treinador do Farense, Jorge Costa, reconheceu hoje que a sua equipa está pressionada a vencer na receção de sábado ao Belenenses SAD, num duelo entre dois conjuntos que procuram a manutenção na I Liga de futebol.

"A pressão não será obstáculo. Temos de saber lidar com a pressão. É o jogo da nossa vida, em que vamos estar pressionados para vencer, para conquistar os três pontos, mas é um jogo em que vamos demonstrar que temos caráter e qualidade. Não somos obrigados a nada mais do que dar o nosso melhor e é isso que vamos fazer", assumiu o técnico, na antevisão do encontro da 23.ª ronda da competição.

Num jogo "fundamental" para os algarvios, Jorge Costa espera ver em campo "o mesmo Farense de sempre, independentemente do adversário", apesar de ter vindo de uma derrota frente ao Rio Ave (2-0) na última jornada.

"Aquilo que espero é um Farense igual, não ao do último jogo - pelo menos no resultado -, mas um Farense equilibrado, consciente daquilo que tem de fazer e com muita vontade de vencer", acrescentou.

Durante a última semana, Jorge Costa preocupou-se em "trabalhar sobre os erros, minimizá-los e potenciar as coisas boas" que os algarvios têm feito.

"Esse é o nosso caminho. Jamais iremos atingir a perfeição, mas temos de trabalhar diariamente para sermos mais fortes", considerou o técnico do Farense.

O jogo entre dois conjuntos cuja missão passa pela fuga à despromoção à II Liga será de "grau de dificuldade elevado", em que Jorge Costa não espera "grandes surpresas".

"O Belenenses SAD é uma equipa bem trabalhada. Tem processos bem definidos, joga bem, é sólida e rápida em transições. Uma equipa à imagem do seu treinador [Petit], que conheço bem", explicou.

O Farense, 15.º classificado, com 19 pontos, recebe no sábado, às 15h30, o Belenenses SAD, 12.º com 22, em jogo marcado para o Estádio de São Luís, em Faro, com arbitragem de Fábio Veríssimo (Leiria).