Portugal
"Do último ao sétimo lugar nada está ainda definido", realça Paulo Sérgio
Redação
2021-04-30 20:05:00
Técnico diz que Portimonense está determinado em vencer na receção ao Rio Ave

O treinador Paulo Sérgio disse hoje que o Portimonense "está determinado" em conquistar os três pontos na receção ao Rio Ave, no sábado, no jogo da 30.ª jornada da I Liga portuguesa de futebol.

“Os três pontos são muito importantes neste momento, porque é mais um passo para que consigamos atingir os nossos objetivos. É à procura disso [pontos] que vamos amanhã [sábado]", disse o treinador na antevisão à partida.

Para o treinador dos algarvios, o confronto com o Rio Ave “é mais um jogo difícil, com uma equipa competente, o que vai obrigar a níveis de concentração elevados e muito trabalho para alcançar o objetivo de conquistar a vitória”.

“Sabemos do valor do adversário, uma equipa que normalmente não anda aqui nestes lugares da classificação, nestas brigas, e cuja classificação não nos ilude sobre o seu real valor”, apontou.

Paulo Sérgio considera que este ano existe um equilíbrio “muito grande entre as equipas, o que faz com que os resultados sejam definidos por pormenores, como a determinação, foco e concentração”.

“É um campeonato atípico, onde as equipas andam muito embrulhadas, ao contrário de outras épocas em que se chegava a esta altura com as coisas mais definidas e com uma ou duas equipas em maiores dificuldades. Hoje, vemos que do último ao sétimo lugar nada está ainda definido”, destacou.

Para o técnico, a proximidade pontual entre as equipas, pode originar que o Portimonense “hoje a brigar pela permanência, pode vir a conseguir um honroso sexto ou um sétimo lugar”.

“É, de facto, um campeonato diferente neste capítulo, onde tudo ainda pode acontecer, daí a importância dos pontos em cada jogo”, recordou.

Embora o jogo com o Rio Ave seja reconhecido pelo técnico como de “dificuldade elevada, os pontos constituem um passo importante no caminho do Portimonense para a manutenção, numa jornada que não é decisiva para nenhuma das duas equipas”.

O treinador considerou que as ausências do defesa Willyan e do médio Fali Candé, afastados do jogo com os vilacondenses devido a castigo por acumulação de cartões amarelos, e do médio Luquinha, por lesão, “são significativas, mas existem outros jogadores para suprir as ausências”.

O Portimonense, 11.º classificado, com 33 pontos, defronta o Rio Ave, 15.º, com 30, no sábado, às 18:00, no Estádio Municipal de Portimão, com arbitragem de João Pinheiro (AF Braga).