Portugal
Desportivo de Chaves regressa às vitórias frente ao Arouca com 'bis' de Rocha
Redação
2021-01-24 21:30:00
Transmontanos quebram série de duas derrotas, em jogo da 17.ª jornada da II Liga

Um ‘bis’ do defesa Luís Rocha permitiu ao Desportivo de Chaves vencer hoje por 2-1 o Arouca e regressar aos triunfos após duas derrotas, em encontro da 17.ª jornada da II Liga portuguesa de futebol.

O triunfo permite aos transmontanos somar 27 pontos, subir ao quinto lugar da classificação e descolar do adversário, que mantém os 24 pontos.

O encontro acabou por ser disputado no limite, registando-se muitas faltas e 11 amarelos nos 90 minutos. As alterações no meio campo introduzidas pelo técnico dos flavienses, Carlos Pinto, surtiram efeito logo no arranque do jogo, com a melhor entrada a render um golo. João Teixeira pela esquerda e Wellington estiveram em destaque.

Aos nove minutos, na cobrança de um livre por João Teixeira, o central e capitão Luís Rocha, de cabeça, desviou para o golo.

A primeira parte foi repartida e interessante, embora com poucas situações de golo. A resposta do Arouca foi sobretudo pelo lado esquerdo, com Quaresma e Arsénio a ‘remarem’ contra a defensiva flaviense.

Apenas aos 24 minutos Paulo Vitor foi testado, com um remate na sequência de um livre, de Marco Soares, a obrigar o guarda-redes a defesa atenta.

O técnico dos visitantes alterou logo ao intervalo, lançando Leandro para o meio campo e o Arouca reentrou melhor, retirando praticamente por completo a bola à equipa da casa.

Foi precisamente num alívio da defensiva flaviense que a bola rondou a área contrária e Roberto sofreu uma carga do guarda-redes, que o árbitro Rui Lima considerou faltosa e dentro da grande área, com muitos protestos para os da casa.

Luís Rocha, chamado à conversão, não desperdiçou e fez o segundo do encontro e o quarto esta temporada da sua conta pessoal.

Os arouquenses continuaram a dominar o desafio, mas a ter poucas situações de perigo, apesar de colocarem muita gente em zona de finalização. Aos 70 minutos reduziram após cruzamento de Quaresma que sobrou para Arsénio, que com um remate colocado fez o 2-1 e acabou por estabelecer o resultado final.