Portugal
"Darwin vai crescer muito no Benfica, principalmente nas mãos de Jorge Jesus"
Redação
2020-12-07 17:45:00
Jonas não esquece ligação aos encarnados e falou sobre alguns jogadores das águias

Jonas foi um dos convidados que assistiu nas bancadas do Estádio da Luz à vitória do Benfica sobre o Paços de Ferreira, este domingo, em jogo da nona jornada da I Liga. 

Habituado a fazer balançar as redes da Luz, o antigo avançado esteve à conversa com a BTV e comentou a qualidade do plantel encarnado, tendo evidenciado um nome: Darwin Nuñez.

Para o ‘Pistolas’, o avançado uruguaio vai crescer muito no Benfica, “principalmente nas mãos de Jorge Jesus”, e pode tornar-se num “avançado de topo mundial” nos próximos anos. 

“O Benfica fez muito bem em contratá-lo. É um sul-americano, tem uma garra tremenda nos jogos, tem força, técnica e uma frieza para finalizar. Com certeza que vai evoluir e crescer muito no Benfica, principalmente nas mãos do nosso treinador Jorge Jesus. Daqui a dois ou três anos, quem sabe se não é um dos avançados de topo mundial”, afirmou. 

Jonas, que marcou 137 golos pelos encarnados, falou ainda do reforço Everton e de Adel Taarabt e Pizzi, “grandes jogadores” que representam o Benfica. 

“É difícil encontrar jogadores com a qualidade do Taarabt. Fico feliz pela segunda oportunidade que o Benfica lhe deu. Ele aproveitou. É um homem de boa cabeça. Errou no passado mas acabou por aprender com os erros. Hoje está a desfrutar da sua qualidade”, afirmou, antes de falar sobre o compatriota Everton. 

“É um jovem jogador de muito talento, muita qualidade. É mais um jogador que o Benfica fez bem em contratar. Nas mãos de Jesus tenho a certeza que vai evoluir muito e até jogar muito mais do que ele jogou no Grémio”, perspetivou. 

Já sobre Pizzi, com quem partilhou balneário na Luz, Jonas revela que o médio foi dos jogadores “com quem teve maior sintonia” e por quem tem “muito carinho”. 

“O Pizzi é um jogador que chega muito perto da baliza. Os treinadores que trabalharam com ele cobraram sempre isso, sabiam que ele tinha golo. É um jogador de muita qualidade. Se não foi aquele com quem tive maior sintonia, foi um deles, com quem tive uma sintonia muito boa”, rematou. 

Jonas representou o Benfica entre 2014 e 2019, tendo apontado 137 golos em 183 presenças pelos encarnados.