Portugal
"Cuidado que está muito frio no Porto"
2023-12-19 11:50:00
"O Rúben Amorim montou uma estratégia muito boa e incentivou os jogadores para uma exibição categórica", diz Inácio

Os sportinguistas andam encantados da vida com a liderança do campeonato que resulta da vitória sobre o FC Porto, em Alvalade, rival nortenho que chegou a Lisboa em igualdade pontual com os leões, mas saiu da capital portuguesa com atraso na classificação que é liderada pelo Sporting, seguindo-se o Benfica, e o FC Porto é agora terceiro da tabela.

Na vitória sobre o FC Porto, Viktor Gyökeres destacou-se com golos, assistências e muito trabalho que deu à defesa dos azuis e brancos, em especial a Pepe enquanto o internacional português esteve em campo, antes da expulsão no segundo tempo.

Augusto Inácio, antigo treinador, jogador e dirigente do Sporting, foi atleta do FC Porto e campeão europeu mas nunca escondeu que o seu coração bate pelas cores verdes e brancas. Por isso, é um homem feliz com a liderança sportinguista na classificação da I Liga.

"Não sei até que ponto o Sporting vai conseguir segurar este jogador"

Mesmo sem ter visto o jogo em Alvalade, por ter compromissos mais a norte, Inácio conta que assistiu ao encontro junto de gente do FC Porto e que lhe foi assegurando que o avançado sueco dos leões é "a contratação do ano no futebol português".

"Não sei até que ponto o Sporting vai conseguir segurar este jogador", referiu Augusto Inácio, em declarações na rádio Observador, temendo que o camisola 9 deixe Alvalade em breve face à performance que tem vindo a revelar de leão ao peito.

"O Rúben Amorim montou uma estratégia muito boa e incentivou os jogadores para uma exibição categórica"

Na sequência do jogo, e com algum humor à mistura, Augusto Inácio aproveita para mencionar que as temperaturas estão baixas na cidade do Porto. "Cuidado que está muito frio no Porto", atirou Augusto Inácio, deixando uma mensagem de elogio para o treinador do Sporting.

"O Rúben Amorim montou uma estratégia muito boa e incentivou os jogadores para uma exibição categórica", salientou Augusto Inácio, que se mostrou agradado com a forma como o treinador do Sporting encarou estrategicamente o FC Porto.

No final do encontro, o técnico sportinguista admitiu que a equipa poderia ter derrotado o FC Porto por outros números. "Também acho que não marcámos mais golos pelos detalhes", disse Rúben Amorim.

"Percebemos o que o FC Porto ia fazer. Não fomos fortes nas saídas, ainda assim. Fomos combativos e isso é importante contra o FC Porto. Aumentámos o nível de agressividade", explicou o técnico sportinguista, em declarações à Sport TV.