Portugal
Chaves afunda Varzim com vitória construída em 10 minutos
Redação
2021-02-06 18:20:00
Duelo da II Liga portuguesa

O Desportivo de Chaves venceu hoje o Varzim, por 3-1, em partida da 19.ª jornada da II Liga portuguesa de futebol, em que os flavienses resolveram a partida na meia hora inicial, período em que marcaram três golos.

A equipa transmontana construiu a vantagem em 10 minutos, com os golos de Roberto (17), Jonathan (24) e Niltinho (27), numa altura em que os poveiros jogavam inferioridade, com expulsão de Ahmed Isaiah, aos 19, mas ainda assim reduziram a desvantagem, com um tento de Patrick Fernandes (40).

Com este resultado o Desportivo de Chaves aproxima-se dos lugares de subida, seguindo no quinto posto com 30, enquanto o Varzim não consegue sair da zona de despromoção, seguindo provisoriamente no penúltimo lugar, com apenas 14 pontos.

Os poveiros, que até nem perdiam há dois jogos, tiveram um primeiro tempo para esquecer, e já depois de terem sido ameaçados com uma bola ao poste e com uma grande penalidade, aos sete minutos, que Luís Rocha desperdiçou, permitindo a defesa de Ricardo, acabaram por sucumbir logo na primeira meia hora.

Logo aos 17 minutos, Roberto inaugurou o marcador a passe de Niltinho, desbloqueando o desafio para os visitantes, que, pouco depois, viram a tarefa facilitada com expulsão do varzinista Ahmed Isaiah, na sequência de uma entrada sobre Jonathan Toro.

Com a equipa poveira descompensada, o Chaves nem precisou de acelerar para, praticamente, resolver a partida em duas investidas, chegando ao 2-0 num remate de longe de Toro, aos 24, e, pouco depois, a explorar o desacerto defensivo dos locais, num cabeceamento eficaz de Niltinho.

Depois da entrada desastrada no jogo, o Varzim ainda conseguiu restabelecer-se na primeira parte, reduzindo a desvantagem, por intermédio de Patrick Fernandes, num contra-ataque desenhado por Lessinho.

O tento deu alento renovado aos poveiros para a segunda metade, que, mesmo jogando em inferioridade, assumiram o controlo do jogo, e tiveram várias oportunidades para recuperar, mas foram falhando na finalização.

Ainda assim, o Desportivo de Chaves, que perdeu a intensidade do primeiro tempo, e preferiu jogar na expectativa e na gestão do resultado, foi fechando os caminhos da baliza e mostrou coesão defensiva, para segurar o 3-1 final.

 

Jogo no Estádio do Varzim SC, na Póvoa de Varzim.

Varzim - Desportivo de Chaves, 1-3.

Ao intervalo: 1-3.

Marcadores:

0-1, Roberto, 17 minutos.

0-2, Jonathan Toro, 24.

0-3, Niltinho, 27.

1-3, Patrick Fernandes, 40.

 

Equipas:

- Varzim: Ricardo, Tiago Almeida, André Micael, Luís Pedro, Tiago Cerveira, André Leão, Rui Moreia (Tembeng, 79), Ahmed Isaiah, Agdon (George Ofosu, 63), Patrick Fernandes (Irobiso, 79) e Lessinho (Fatai, 46).

(Suplentes: Ismael, Tembeng, Fatai, George Ofosu, Diarra, Luís Pinheiro, Irobiso, Nelson Agra e Nuno Valente).

Treinador: António Barbosa.

- Desportivo de Chaves: Paulo Vítor, João Correia, Vasco Fernandes, Luís Rocha, João Reis, Nuno Coelho, Luís Silva, Jonathan Toro (Zé Tiago, 65), Niltinho (Batxi, 74), Wellington (Rafael Viegas, 84) e Roberto (William, 74).

(Suplentes: Ricardo Mouta, Benny, Zé Tiago, Batxi, Rafael Viegas, Guedes, Kevin Pina, Nicolas e William).

Treinador: Carlos Pinto

 

Árbitro: Miguel Nogueira (AF Lisboa).

Ação disciplinar: Cartão amarelo para Wellington (32), Vasco Fernandes (37), Luís Silva (45+2) eLuís Pedro (58). Cartão Vermelho direto a Ahmed Isaiah (19).

Assistência: Jogo realizado à porta fechada devido à pandemia de covid-19.