Motores
Henrique Chaves consolida liderança no campeonato após segundo lugar
2020-09-28 10:45:00
Piloto português que conquistou a pole-position na qualificação

Henrique Chaves conquistou neste domingo o segundo lugar na segunda corrida da ronda de Monza, Itália, da temporada deste ano do International GT Open, estendendo a sua liderança no Campeonato de Pilotos.

O dia começou da melhor forma para o português que conquistou a pole-position na qualificação, estampando bem a sua supremacia, ao deixar o segundo mais rápido a mais de quatro décimos de segundo.

Este resultado deixava boas perspetivas para Henrique Chaves e para Miguel Ramos, que sem handicap, tinham do seu lado excelentes possibilidades para vencer esta época pela segunda vez.

O jovem de Torres Vedras arrancou bem e manteve o comando, gerindo da melhor forma a corrida para entregar ao seu colega de equipa o McLaren 720S GT3 #59 da Teo Martín Motorsport no primeiro lugar e em boas condições.

Quando Miguel Ramos saiu das boxes tinha uma vantagem de dezasseis segundos para o segundo classificado, o que lhe permitia manter um ritmo consistente para chegar ao final da prova no primeiro lugar sem sobressaltos.

No entanto, a dezasseis minutos da bandeira de xadrez um incidente entre dois concorrentes obrigou à entrada em pista do Safety-Car, anulando toda a vantagem construída até aí. No reinício, Miguel Ramos manteve o comando, mas acabaria por sucumbir ao seu perseguidor, que usou o cone de aspiração do McLaren para ascender ao comando.

Apesar de tentar ainda recuperar a liderança, o piloto de Vila Nova de Gaia terminaria no segundo posto a pouco mais de um segundo do vencedor.

“Fizemos tudo bem! Realizei uma volta perfeita na qualificação que nos deu a pole-position, estivemos fortes na corrida, mas não tivemos a sorte do nosso lado, com a situação de Safety-Car. Foi pena, porque penso que dificilmente perderíamos a corrida. Mas o automobilismo é assim”, afirmou Henrique Chaves.

Apesar do desapontamento que representa perder uma prova nestas circunstâncias, a dupla portuguesa somou pontos importantes para o Campeonato de Pilotos, saindo de Monza com oito pontos de vantagem para o segundo classificado. “É claro que queremos sempre vencer e penso que hoje éramos os mais fortes, mas este segundo lugar é muito importante para as contas do título e estamos mais perto do nosso objectivo – vencer o campeonato. Vamos continuar a trabalhar como até aqui e seguramente que, mais tarde ou mais cedo, teremos a sorte do nosso lado”, concluiu Henrique Chaves.

Louis Prette e Vincent Abril, em Ferrari 488 GT3, venceram a corrida desta tarde, à frente da equipa lusa, ao passo que na terceira posição ficaram Marcelo Hahn e Allam Khodair, em McLaren 720S GT3.

A próxima ronda do International GT Open disputa-se em Spa-Francorchamps entre nos dias 16 a 18 de outubro.