Grande Futebol
Portugal, França e Bélgica continuam embalados na Liga das Nações
2020-09-09 09:15:00
Seleções seguem só com vitórias na competição, depois de disputadas duas jornadas

Portugal, mais uma vez com Cristiano Ronaldo em grande, França e Bélgica continuam em grande na Liga das Nações de futebol e somaram hoje novas vitórias claras na competição organizada pela UEFA.

Em Solna, Cristiano Ronaldo foi titular, recuperado da infeção que o afastou do jogo contra a Croácia, e esteve ao seu melhor nível, com os golos 100 e 101 da sua carreira pela seleção – tornou-se o segundo a atingir a centena de tentos e está a oito do recordista Ali Daei.

Primeiro de livre direto (45+1) e depois de bola corrida (72), o madeirense melhorou ainda mais um dos seus extraordinários recordes, fixando o 2-0 que coloca Portugal na frente do grupo, com duas vitórias e 6-1 no saldo de golos (juntando aos 4-1 à Croácia).

Sem mácula também está a ser o percurso da França, campeã do mundo, que mesmo privada de última hora de Mbappé (positivo a covid-19), superou a Croácia por 4-2, no Stade de France.

Portugal e França 'embalam' no grupo 3, com seis pontos cada, deixando suecos e croatas já a uma distância assinalável, sem pontos ainda.

Tudo vai apontando para um 'duelo' no grupo entre o campeão do mundo e o campeão da Europa e vencedor da última Liga das Nações, tal a superioridade que demonstram.

A França repetiu com a Croácia os números da final do Mundial, com três minutos frenéticos imediatamente antes do intervalo.

Griezmann, aos 43, e Martial, aos 45+1, viraram o marcador em que ia valendo o golo croata de Lovren, aos 16.

Brekalo empatou aos 55 e ainda relançou a partida por dez minutos, o tempo que demorou a chegar o 3-2, em cabeceamento de Upamecano. Aos 77, Giroud converteu uma grande penalidade e fixou o resultado final.

No grupo 2, uma Inglaterra com muitas caras novas não foi além de um 'nulo' com a Dinamarca, ao mesmo tempo que a Bélgica goleou a Islândia, por 5-1.

Pela Bélgica, que teve o benfiquista Jan Vertonghen a titular, marcaram Witsel (13), Batshuayi (17 e 69), Mertens (50) e Doku (80) - isto depois da Islândia se ter adiantado aos 10, através de Fridjonsson.

Na Liga C, a Arménia ganhou à Estónia por 2-0 e Geórgia e Macedónia empataram 1-1. O Azerbaijão foi ganhar por 1-0 ao Chipre, os mesmos números por que se saldou o triunfo do Montenegro no Luxemburgo.

Finalmente, na Liga D o Liechtenstein ganhou por 2-0 em São Marino.