Grande Futebol
Pietro Pellegri o jovem prodígio que cumpriu o sonho do pai
2017-10-05 22:00:00
O jovem jogador do Génova CFC estreou-se a marcar na Serie A com apenas 16 anos e levou o pai às lágrimas

Aconteceu há um par de semanas. A Génova CFC recebeu a Lazio e o adolescente Pietro Pellegri marcou os dois golos dos genoveses. No banco estava o pai do jovem de 16 anos, Marco Pellegri, atualmente, diretor desportivo do Génova, que não conteve as lágrimas ao ver a realização de um sonho. O filho a marcar dois golos em frente à bancada Norte, local onde ficam as claques e de onde Pietro puxava pela equipa uns meses antes.

Marco tem 53 anos e fez os possíveis e os impossíveis para conter as lágrimas depois de assistir aos dois golos do seu filho de 16 anos. Mas sem sucesso. O diretor desportivo sentou-se no banco, baixou a cabeça e soltou a emoção que sentia. Afinal de contas não é todos os dias que vemos o nosso filho marcar um golo com a camisola do clube que sempre apoiou e logo em frente à bancada mais radical no apoio à equipa.

Em declarações à imprensa italiana, Marco Pellegri, afirmou em jeito de desabafo que um dia que o filho marcasse um golo no Estádio Luigi Ferrari poderia então morrer, pois já havia conhecido a felicidade. No fim da partida que terminou com a vitória da Lazio (3-2), Pietro foi confrontado com as imagens do pai a chorar e o jovem não resistiu e foi aos soluços que explicou ter sido aquele momento o culminar de muitos anos de esforços e sacrifícios.

“Esta noite significou muito para mim e para o meu pai. Eu realizei um sonho que tinha desde criança. O meu pai tem-me seguido desde infância e é muito comovente vê-lo assim emocionado por mim. Desde que comecei ele tem-me seguido para todos os treinos, ao frio e à chuva”, desabafou na zona de entrevistas rápidas após a partida onde se estreou a marcar.

Para além da história familiar peculiar e o amor que sente pelo clube, Pietro Pellegri continua a quebrar recordes na Liga Italiana. O futebolista nascido em Génova estreou-se na Série A com apenas 15 anos, nove meses e cinco dias batendo Gianni Rivera por dez dias. E curiosamente só não é o jogador mais jovem de sempre a marcar no principal escalão do futebol italiano porque Rivera conseguiu-o quatro dias mais novo. O segundo golo que conseguiu frente à Lazio valeu-lhe, no entanto, outro recorde. O de jogador mais novo de sempre a bisar numa partida da Liga Italiana.

As qualidades deste jovem já despertaram o interesse de vários clubes a nível interno e não só. Pietro Pellegri é um ponta-de-lança alto e possante, mas que, no entanto, alia a esse poderio físico uma técnica apurada e um instinto goleador letal, muito ao jeito do seu maior ídolo: Zlatan ibrahimovic.