Grande Futebol
"Não há saudade sem retorno. Vemo-nos mais tarde, Olympique"
Redação
2021-03-02 20:20:00
Villas-Boas com despedida emotiva do clube francês, partilhada nas redes sociais

O treinador português André Villas Boas despediu-se hoje do Marselha com uma mensagem emotiva na sua conta do 'Instagram', na qual remete para a palavra portuguesa saudade e abre a porta a um regresso no futuro.

“A todos os meus jogadores e pessoal do Olympique Marselha, obrigado pelo vosso suor e esforço. Estamos emocionalmente ligados e sentirei muito a vossa falta. Desejo a todos e a cada um de vós o melhor, profissional e pessoalmente. Com a tristeza de já não vos poder abraçar, mas com a empatia que temos uns pelos outros, e sabendo que em breve estaremos novamente juntos”, escreveu Villas-Boas, após chegar a acordo com o clube para a rescisão amigável do contrato.

A emoção levou mesmo Villas-Boas a invocar uma palavra da língua de Camões: “Saudade é uma palavra portuguesa. Forte, visceral, ligada às raízes. Traduz as nossas lágrimas por algo que nos faz falta, um pedaço de nós que deixámos para trás. Não há saudade sem retorno. Vemo-nos mais tarde, Olympique de Marselha”.

Mais à frente, o treinador luso fala do seu sentimento pela cidade e do amor dos seus cidadãos pelo clube, do vulcão do Vélodrome (estádio do Olympique), confessa que tremia com os adeptos para celebrar cada objetivo e cada vitória e que fazer parte da história do clube é uma estrela no ‘pedigree’ de um treinador, uma estrela que considera única em França.

“É impossível não amar este clube e os seus apoiantes sem se apaixonar pelo seu passado, pela riqueza das memórias que habitam este clube e pelas histórias que são transmitidas de geração em geração. Tratei o clube como se fosse meu, defendendo tudo o que parecia certo e errado, verdade ou mentira. Sempre carreguei comigo a honra e dignidade que achei que merecias. Levo comigo daqui as melhores memórias, sensações e emoções indescritíveis, com um amor singular por um clube e uma região única. Santa Vitória [montanha no sul de França] foi minha namorada durante 18 meses”, escreveu Villas-Boas.

Na caixa de comentários à sua mensagem, o piloto francês de ralis, Sébastien Ogier, adepto do Marselha, agradeceu ao técnico português numa frase: “Obrigado por tudo. Vais fazer falta ao OM”.

 
 
 
Ver esta publicação no Instagram
 
 
 

Uma publicação partilhada por André Villas-Boas (@officialandrevillasboas)

O Marselha e Villas-Boas, que deixou o clube há um mês, acordaram a “rescisão por mútuo acordo” do contrato que ligava as duas partes, informou hoje o emblema da primeira liga francesa de futebol.

“O Olympique de Marselha anuncia a rescisão por mútuo acordo do contrato de André Villas-Boas. O Olympique de Marselha agradece-lhe o seu contributo durante estes 19 meses de colaboração e deseja-lhe o melhor para o futuro", escreveu o atual sétimo classificado da Ligue 1, no seu sítio oficial na Internet.