Grande Futebol
Federação espanhola pede demissão de Ángel María Villar para provocar eleições
Mauro
2017-09-07 00:15:00
Villar foi suspenso durante um ano depois de ter sido acusado de corrupção

A Real Federação Espanhola de Futebol (RFEF) solicitou esta quarta-feira ao presidente Ángel María Villar, suspeito de desvio de fundos e abuso de confiança, para se demitir e permitir novas eleições.

A direção em funções transmitiu ao dirigente a "necessidade de apresentar a sua demissão" e apoiou Juan Luis Larrea como presidente em funções, substituindo Villar.

Recorde-se que Ángel María Vilar foi suspenso durante um ano, com base em acusações de corrupção, apropriação indevida, administração desleal, falsidade de documentos e ocultação de bens.