Grande Futebol
"É normal o que se passou". Bruno Fernandes comenta desentendimento com Lindelöf
2020-08-17 10:00:00
Sueco ex-Benfica e português ex-Sporting trocaram argumentos em campo

O internacional português do Manchester United Bruno Fernandes destacou a exibição do guarda-redes do Sevilha Bono, nas meias-finais da Liga Europa de futebol, por "ter evitado um mau resultado" para a equipa andaluza.

O ex-jogador do Sporting referiu que o Manchester United "entrou melhor no jogo e criou muitas oportunidades", mas ressalvou que "isso em futebol, às vezes, não é suficiente se não se aproveitam as oportunidades à frente da baliza".

"Não estamos satisfeitos porque queríamos muito chegar à final. Agora, é altura para descansar e refrescar as pernas. O Bono esteve em grande plano, mas com a qualidade que temos deveríamos ter marcado", disse Bruno Fernandes no final do jogo em declarações à BT Sport.

O jogador português também abordou a discussão que manteve com o seu companheiro Victor Lindelof após o segundo golo do Sevilha: "É normal o que se passou quando se sofre um golo. Acontece muitas vezes no futebol. O que temos é de analisar os erros que cometemos e procurar não repeti-los e melhorar".

Bruno Fernandes ainda colocou o Manchester United na frente do marcador na execução de uma grande penalidade, o seu oitavo golo na Liga Europa que lhe assegura a liderança dos melhores marcadores, mas o Sevilha deu a volta ao resultado e garantiu uma vaga na final da prova.

O treinador do Sevilha, Julen Lopetegi, que já orientou o FC Porto, admitiu que os seus jogadores “mereciam este prémio”, depois de um jogo “de resistência, em que foi preciso competir ao limite”.

“Defendemos porque nos empurraram para trás na segunda parte, mas soubemos renascer. Era a melhor equipa em Inglaterra, não tinham perdido depois do confinamento, mas ganhámos e estamos muito contentes”, referiu Lopetegui, depois de assegurar a sexta presença do clube na final da Liga Europa.

O Sevilha, recordista de triunfos na competição, em 2005/06, 2006/07, 2013/14, 2014/15 e 2015/16, vai defrontar o vencedor do embate entre os ucranianos do Shakhtar Donetsk e os italianos do Inter Milão, na segunda-feira, em Dusseldorf, na Alemanha, às 21:00 locais (20:00 em Lisboa).

A final da segunda competição europeia de clubes está marcada para sexta-feira, em Colónia.