Grande Futebol
Discurso da "lealdade" de Solskjaer viraliza após United confirmar Ronaldo
2021-08-27 20:00:00
Treinador dos 'red devils' tinha repudiado a hipótese de Ronaldo assinar pelo rival City

Um comentário do treinador do Manchester United sobre a hipótese de Cristiano Ronaldo assinar pelo rival Manchester City passou despercebido inicialmente, mas viralizou em força depois dos 'red devils' anunciarem oficialmente o regresso do internacional português.

Num momento em que os rumores do mercado garantiam que Ronaldo ia assinar pelo City (e a Juventus ainda não tinha confirmado a vontade do jogador em sair, o que só aconteceu na manhã de hoje), Ole Gunnar Solskjaer fez um discurso sobre a "lealdade", garantindo que na sua carreira de jogador nunca aceitaria trocar o 'seu' United por um rival.

"Quando eu jogava pelo Manchester United, se um clube rival me tentasse contratar e eu fosse, onde estaria a lealdade? A lealdade é um dos valores que eu mais prezo, que eu acho realmente importante. Não espero que um jogador que representou um clube por dez anos queira assinar pelo rival da mesma cidade", disse Solskjaer, quando a imprensa britânica 'garantia' que Cristiano Ronaldo ia ganhar 15 milhões de euros por ano, num contrato de duas temporadas com o City.

As declarações do treinador do United passaram despercebidas. Afinal, Solskjaer nem sequer referiu o nome de Cristiano Ronaldo. "Não é para mim. Sei que somos profissionais, mas quando jogamos pelo Manchester United não vamos para o Manchester City. Tivemos alguns casos e eu nunca concordei com isso. Não vou dizer nomes, mas todos sabem a quem me refiro. Está tudo dito", complementou Solskjaer.

Inicialmente, as declarações do técnico passaram despercebidas. Esta tarde, depois do Manchester United ter confirmado oficialmente o regresso de Cristiano Ronaldo, as declarações de Solskjaer viralizaram em força nas redes sociais.