Grande Futebol
Atlético Madrid-FC Barcelona e os cinco duelos para estar atento
2020-11-20 10:15:00
Grande clássico do futebol espanhol joga-se neste sábado, no Wanda Metropolitano

Atlético Madrid e FC Barcelona defrontam-se neste sábado, no Wanda Metropolitano, no jogo grande da 10.ª jornada do campeonato espanhol.

E os recentes jogos da LaLiga Santander entre 'colchoneros' e 'culés' produziram sempre grande com batalhas individuais e coletivas. Este não fugirá à regra.

O clássico do futebol espanhol protagonizará confrontos interessantes entre alguns dos melhores jogadores nas respetivas posições, desde Oblak e Ter Stegen, a João Félix e Lionel Messi, passando pelo duelo de treinadores.

Os guarda-redes: Jan Oblak versus Marc-André ter Stegen

'Atleti' e Barcelona possuem dois dos melhores guarda-redes do mundo. O titular blaugrana, Marc-André ter Stegen, ainda não conseguiu adicionar o Troféu Zamora - prémio anual para o melhor guarda-redes da LaLiga com a menor média de golos sofridos na temporada - à sua lista de conquistas individuais.

Muito por conta do outro guardião desse clássico: Jan Oblak. O esloveno ganhou este prémio quatro vezes e está mais uma vez a jogar ao mais alto nível.

Ter Stegen começou a temporada lesionado, mas voltou a disputar duas partidas pelo seu clube, uma na LaLiga Santander e outra na Champions. Bastaram esses dois jogos para o número um do Barcelona lembrar ao mundo que é um dos jogadores mais decisivos do plantel blaugrana.

Os defesas: José María Giménez versus Gerard Piqué

Aqui, há um duelo de opostos... Por um lado, a defesa do Atlético Madrid é a melhor da LaLiga, apenas com dois golos sofridos nesta temporada. Número que contrasta fortemente com os oito concedidos pelo FC Barcelona.

José María Giménez e Gerard Piqué são dois defesas de muita qualidade, e há anos que lideram as respetivas equipas. Mas, pelo menos neste momento da época, Giménez atinge um nível que poucos conseguem igualar.

Ainda que alguns defesas possam fazer mais golos, outros destacam-se pela elegância, ou pelo modo como tratam a bola, como é o caso de Piqué. No entanto, atualmente, não existe um um defesa tão sólido quanto o uruguaio.

Os médios: Koke e Saúl Ñíguez versus Frenkie de Jong e Sergio Busquets

A batalha do meio-campo pode ser mais decisiva do que nunca, e o FC Barcelona deve abordá-la com cautela. Embora os 'culés' tenham tradicionalmente encontrado a sua força principal no centro do terreno, terão de enfrentar neste sábado uma das mais duplas mais antigas, naquela posição: Koke e Saúl Ñíguez.

Koke e Saúl Ñíguez jogam juntos há sete temporadas e comandam uma equipa do Atlético que se destacou pelo seu poderio ofensivo, nesta época.

Enquanto isso, o Barça - que perdeu recentemente Sergio Busquets, por lesão -, tem sofrido mais do que o normal, quando se trata de proteger a sua defesa e fazer a ligação com o ataque. Ainda assim, Frenkie de Jong pode dar conta do recado. Até por isso, essa batalha do meio-campo é muito mais equilibrada, quando olhamos para a história recente das duas equipas.

Os avançados: João Félix versus Lionel Messi

Sem dúvida, este será um dos duelos mais emocionantes desta partida. João Félix e Lionel Messi são, definitivamente, dois dos jogadores com mais talento em toda a LaLiga Santander e este confronto direto ocorre num momento perfeito.

Do lado da equipa da casa, João Félix está em alta e já é um dos melhores marcadores na presente época. Marca no Atlético e até na seleção portuguesa.

Do lado oposto, Messi recuperou a alegria de jogar em Barcelona e é cada vez mais presente no jogo dos catalães, mantendo-se uma peça importante na equipa.

Ao olhar para o duelo ofensivo, Luis Suárez reencontraria a ex-equipa, onde fez história. Mas, por ter testado positivo para covid-19, o uruguaio não poderá defrontar Messi, nem fazer companhia ao mais recente parceiro de ataque, João Félix.

Os treinadores: Diego Simeone versus Ronald Koeman

No jogo deste fim de semana, o treinador que está há mais tempo no clube enfrentará uma das mais novas contratações da LaLiga Santander. Simeone e Koeman são dois técnicos que representam bem os respetivos clubes, embora o confronto de estilos no primeiro encontro desta temporada possa não ser tão grande como noutras ocasiões.

Simeone continua a exigir intensidade e equilíbrio aos seus jogadores e apresenta, mais uma vez, a equipa com melhor registo de golos sofridos na LaLiga Santander, mas também é a segunda melhor 'artilharia' desta temporada.

O FC Barcelona, por sua vez, sempre se caraterizou pelo jogo ofensivo. Mas convém lembrar que Simeone ainda não venceu o rival catalão na LaLiga. A última vitória colchonera diante deste rival, na liga espanhola, ocorreu em 2009/2010.