Fora da Bancada
"Sou radical contra os compadrios, contra as clientelas, contra a corrupção"
Redação
2020-10-08 13:20:00
"Se isso leva algumas pessoas a consideram-me extremista, o problema é delas", diz Ana Gomes

Ana Gomes, um dos rostos mais mediáticos na defesa de Rui Pinto, revela que as suas posições contra a corrupção vão manter-se independentemente do resultado que obtiver nas eleições presidenciais, nas quais é candidata.

"Sou radical contra os compadrios, contra as clientelas, contra a corrupção, para me valer da expressão do Presidente da República. Se isso leva algumas pessoas a consideram-me extremista, o problema é delas", assumiu Ana Gomes.

Em entrevista ao Público e à Renascença, a antiga eurodeputada rejeita, contudo, o rótulo de populista e aproveita para mandar uma 'alfinetada' a António Costa, que já declarou publicamente que não apoio a sua candidatura.

Ana Gomes diz que não fala com o líder do Governo "para aí... há dois anos", mas o diálogo existe com outros membros do Executivo socialista que governa, nesta altura, o país.

"Vários membros do Governo já disseram que me apoiarão", confirmou Ana Gomes, certa de que poderá obter um resultado posivito na votação para o Palácio de Belém.

Nesta entrevista, a antiga eurodeputada teme que o Governo esteja a criar mecanismos para facilitar a aplicação de contratos públicos com fundos europeus e avisa que esse caminho pode ser perigoso.

"Não podemos cair no excesso de burocracia, mas também não podemos passar do oito para o oitenta, para o excesso de facilitação", avisou Ana Gomes.

Recentemente, numa outra entrevista, Ana Gomes assegurou que avança para a corrida eleitiral com o firme objetivo de querer "limpar isto tudo dos donos disto tudo".

Ana Gomes garantiu também já que, apesar das críticas que tem feito a Luís Filipe Vieira, nada a move contra o clube da Luz e assegura que nunca quis ofender o emblema da águia.

"Nunca ataquei o Benfica. Ataquei aqueles que se servem do Benfica para fazer negócios escuros à conta dos portugueses e dos adeptos do Benfica", afirmou Ana Gomes.

Tags: